Publicidade
Publicidade - Super banner
Lutas
enhanced by Google
 

Rafael Feijão ficará afastado por um ano após ser pego no doping

Ex-campeão do Strikeforce testou positivo no exame em substância ainda não revelada pela comissão atlética

iG São Paulo | - Atualizada às

Strikeforce
Rafael Feijão encaixou uma guilhotina em Mike Pyle no primeiro minuto da luta

Principal nome brasileiro do Strikeforce, Rafael Feijão ficará afastado do MMA por um longo período. O ex-campeão dos meio-pesados testou positivo no exame antidoping do seu último combate, em maio, e ficará suspenso do torneio por um ano.

Veja também: Juíza proíbe circulação da biografia de Anderson Silva

A informação foi confirmada pela Comissão Atlética da Califórnia, mas a entidade não quis revelar qual substância proibida foi usada pelo brasileiro.

Confira ainda: Erick Silva aguarda novo rival para virar top 5 do UFC

Rafael Feijão foi submetido ao exame logo após sua última aparição no hexágono do Strikeforce, há um mês. Na ocasião, ele derrotou Mike Kyle com uma guilhotina após somente 33 segundos de luta.

Além da suspensão, o parceiro de treinos de Anderson Silva terá que pagar uma multa de US$ 2.500 (pouco mais de R$ 5.000). "Acredito na sua inocência e vamos combater isso. Estamos apoiando ele. Há muita coisa que não faz sentido”, afirmou o empresário do atleta, Ed Soares, em entrevista ao site MMA Fighting.

O que você achou do doping de Feijão? Comente a notícia com outros fãs

Desta forma, o atleta se junta à outra brasileira mais famosa da franquia, Cris Cyborg, que atualmente cumpre suspensão no Strikeforce pelo uso de testosterona. Ela também pegou um ano de punição e só deverá voltar a atividade no fim de 2012.

Leia tudo sobre: StrikeforceUFCRafael Feijãodoping

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG