Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Inter aguarda 2011 para pensar em reforços e dispensas

Giovanni Luigi assume a presidência do clube no dia 3 de janeiro e vai apressar a busca por contratações

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Apesar de já ter iniciado negociações na busca por reforços, o Internacional só deve fazer os primeiros anúncios em 2011. Giovanni Luigi assume a presidência dia 3 de janeiro, e então o clube vai acelerar as transações, tanto para chegadas como para a saída de jogadores.

Um volante e um atacante são as prioridades do clube. Para o ataque o clube já sondou Luís Fabiano, Grafite, Diego Tardelli e Ricardo Oliveira, mas ainda não encaminhou a contratação de nenhum.

“Precisamos de reforços em alguns setores específicos, e temos umas 4 ou 5 possibilidades em cada posição que identificamos carência. Estamos fazendo contatos, mas não vamos falar em nomes”, afirma o vice-presidente de futebol Roberto Siegmann.

Possíveis vendas e liberações também devem ficar para 2011. O clube busca diminuir a folha salarial. O atacante Ilan já foi liberado, pelo mesmo caminho pode ir o meia-atacante Edu. O zagueiro Sorondo também está com pouco espaço no Inter e será liberado caso chegue alguma proposta.

O atacante Alecsandro ainda tem longo contrato com o time gaúcho, mas tem uma relação desgastada com a torcida, e por isso também poderá sair em caso de uma boa oferta. Os clubes do mundo árabe têm interesse no jogador, mas a oferta ainda não chegou. O volante Guinazu é outro que pode deixar o Beira-Rio, mas a intenção do Inter é estudar ofertas do exterior, para não reforçar adversários brasileiros, como o São Paulo que tem interesse no jogador argentino desde a temporada passada.
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG