Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Zico: "Nunca deixei de me considerar campeão brasileiro de 1987"

Galinho era o capitão na conquista do título, mas mantém distância da polêmica sobre a Taça das Bolinhas

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

Capitão do time na conquista do título do Flamengo em 1987, Zico não mostrou qualquer preocupação com o reconhecimento oficial feito pela CBF nesta segunda-feira. O Galinho garantiu que nunca deixou de se sentir campeão brasileiro, aliás, tetra, pois também foi o líder do time em 1980, 1982 e 1983.

“Para mim, não muda nada. Nunca deixei de me considerar campeão brasileiro de 1987. Levei porrada dentro de campo, saí para operar e nas minhas palestras sempre coloco a foto daquela taça, dizendo que canetada alguma vai mudar o que aconteceu em campo”, explicou Zico, ao IG por telefone.

Apesar de ter participado da gestão do futebol do Flamengo no ano passado, Zico preferiu manter distância da polêmica sobre a Taça das Bolinhas. A Caixa Econômica Federal entregou o troféu ao São Paulo que, até antes do reconhecimento do título de 1987, seria o primeiro clube a vencer cinco vezes o Campeonato Brasileiro desde 1971.

“Isso é com o Flamengo. Só sei que levantei quatro vezes aquela taça”, comentou Zico.

Gazeta Press
O capitão Zico dá entrevista em partida na campanha do Flamengo em 1987

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG