Tamanho do texto

Jogador, que estava treinando separado do grupo, e clube entraram em acordo para rescindir o contrato

O zagueiro Márcio Rosário não joga mais no Botafogo . Depois de reclamar da condição de reserva e ameaçar deixar a equipe publicamente pelo Twitter, o jogador voltou a postar, agora para confirmar que o contrato será rescindido. O contrato do zagueiro iria até 30 de junho e não seria renovado, mas as duas partes entraram em acordo para encerrar o vínculo antes do final.

O jogador lamentou a saída e se disse indignado. "Acabou o meu serviço no Botafogo. Obrigado a todos por tudo. Vou deixar bem claro que nunca reclamei de nada. Sou homem!!! Não moleque!!! Fica aqui a minha indignação, mas não posso expor meus sentimentos agora!!!”, escreveu.

Márcio Rosário, que chegou ao Botafogo em julho de 2010, por indicação do técnico Abel Braga, estava treinando separado do elenco principal desde o último dia 7, quando foi punido pela diretoria por reclamar no Twitter. A rescisão deve ser confirmada pelo Botafogo na próxima semana. Assim, a equipe fica com apenas três zagueiro de origem no elenco. Antônio Carlos, João Filipe e Fábio Ferreira.