Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Willian José vive noite intensa e São Paulo vence no Morumbi

Camisa 19, artilheiro da equipe na temporada, roubou a cena ao marcar três gols sobre o Paulista e ainda ser expulso

João Pontes, iG São Paulo |

Por incrível que pareça, o torcedor são-paulino não está sentindo falta de Luís Fabiano, machucado. Nesta quinta-feira, no Morumbi, Willian José, mais uma vez, mostrou que vive a melhor fase de sua ainda curta carreira. O atacante, de 20 anos, marcou os três gols da vitória de 3 a 1 contra o Paulista de Jundiaí

MAIS PAULISTÃO: Palmeiras pega o vice-lanterna para pular Carnaval na liderança

No entanto, nos acréscimos do segundo tempo, ele fez falta dura em Júnior Alves e foi expulso. Agora, em cinco partidas como titular, o substituto do “Fabuloso” soma sete gols.

Veja ainda: Com três gols de Wellington Paulista, Cruzeiro vence de virada

Com o resultado, o São Paulo chegou a 17 pontos. O clube do Morumbi está com o mesmo número de pontos de Palmeiras e Corinthians, mas leva vantagem no saldo de gols.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

 

O jogo
Sem o lateral-direito Piris, machucado, o técnico Emerson Leão, mais uma vez, precisou improvisar e escalou o volante Rodrigo Caio para atuar no setor.

No primeiro minuto do jogo, o São Paulo levou perigo em cobrança de escanteio. Jadson cruzou e Paulo Miranda, de cabeça, mandou para fora.

Confira ainda: Rogério Ceni ganha destaque no site oficial do Real Madrid

Melhor no início do jogo, o time da casa criou outras duas boas jogadas com Willian José.Primeiro, o atacante soltou um foguete de fora da área e exigiu boa defesa do goleiro Vagner. Na sequência, o camisa 19 driblou o zagueiro, invadiu a área e bateu para fora.

Após o susto, o time do interior respondeu aos dez minutos. Ricardinho levantou, Wellington bateu de primeira e tirou tinta da trave de Denis. Um minuto depois, Lucas fez grande jogada pela direita, cruzou na área e Júnior Alves colocou a mão na bola. Perto do lance, o árbitro Flavio Rodrigues de Souza marcou o pênalti.

Diferentemente do clássico contra o Corinthians, quando Jadson perdeu a cobrança, Willian José chamou a responsabilidade e não decepcionou. O atacante chutou rasteiro no canto direito: 1 a 0.

E mais: São Paulo deve ficar sem Lucas durante 11 rodadas do Brasileirão

Mesmo com a vantagem no placar, os comandados do técnico Emerson Leão não diminuíram o ritmo e ampliaram o placar aos 17 minutos. O aniversariante Denílson lançou para Cícero, o meia desviou de cabeça e Willian José apareceu para estufar a rede: 2 a 0.

Leia mais: São Paulo contrata René Simões para comandar a base

Apenas aos 28 minutos, o time visitante voltou a levar perigo no ataque. Renan Marques, dentro da área, chutou de bico e quase acertou o ângulo esquerdo de Denis. Na jogada individual mais bonita da primeira etapa, o meia-atacante Lucas recebeu na direita, driblou quatro marcadores, entrou na área e bateu rasteiro, tirando tinta da trave direita de Vagner. Aos 47, Jadson cruzou na área e Willian José, de cabeça, por pouco não marcou o terceiro.

“Em cinco jogos como titular, eu fiz seis gols. Estou fazendo um bom trabalho. Espero continuar assim e fazer outros gols no segundo tempo”, comentou Willian José na saída para o intervalo.

No segundo tempo, o Paulista foi para cima e aos dois minutos o árbitro marcou pênalti de Rodrigo Caio em Richely. Na cobrança, Renan acertou a trave. Seis minutos depois, o time do interior assustou outra vez. Reinaldo arriscou de fora da área e acertou a trave.

Veja também: São Paulo empresta zagueiro Bruno Uvini ao Tottenham-ING

Aos 19 minutos, Paulo Miranda fez falta dura e foi expulso. Apesar da desvantagem numérica, o clube do Morumbi marcou o terceiro aos 30 minutos. Em rápido contra-ataque pela ponta esquerda, Lucas invadiu a área e deu passe açucarado para Willian José marcar o terceiro.

No fim do segundo tempo, o Paulista foi para cima e conseguiu descontar aos 36. Reinaldo, mais um vez, chutou de fora da área na gaveta, sem chance para Denis. Depois, o São Palo reforçou a marcação e segurou o resultado postivio. Porém, aos 47, Willian José ainda foi expulso.

FICHA TÉCNICA – SÃO PAULO 3 X 1 PAULISTA
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 16 de fevereiro de 2012, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza
Assistentes: Marco Antonio Gonzaga da Silva e Miguel Cataneo Ribeiro
Renda: R$ 133.476,00
Público: 5.658 pagantes
Cartões amarelos: Paulo Miranda (SAO), Casemiro (SAO); Júnior Alves (PTA), Wellington (PTA), Fabrizzyo (PTA)
Cartões vermelhos: Paulo Miranda (SAO) e Willian José (SAO)
GOLS: Willian José aos 11 e 17 minutos do 1º tempo; Willian José aos 30 e Reinaldo aos 36 do 2º tempo


SÃO PAULO: Denis; Rodrigo Caio, Paulo Miranda, Rhodolfo e Cortez; Denilson, Casemiro (Luiz Eduardo), Cícero (Maicon) e Jadson (Édson Silva); Lucas e Willian José
Técnico: Emerson Leão

PAULISTA: Vágner; Samuel Xavier, Júnior Alves e Diego Ivo e Reinaldo; Wellington, Bruno Octávio (Chiquinho), Fabrizzyo e Danilo Gomes (Barboza); Ricardinho (Rychely) e Renan Marques
Técnico: Sérgio Baresi

Leia tudo sobre: São PauloCampeonato Paulista 2012Paulista

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG