Provocação do atacante dizendo que "atropelaria" time carioca em casa será ingrediente extra na Ressacada

O goleiro Fernando Prass, do Vasco, está invicto há duas partidas
Maurício Val / Fotocom.net
O goleiro Fernando Prass, do Vasco, está invicto há duas partidas
O clima fica tenso quando os jogadores do Vasco lembram a declaração de William , atacante do Avaí , após o empate por 1 a 1 , em São Januário, na primeira partida entre as duas equipes valendo vaga na final da Copa do Brasil. Ao sair de campo, William considerou bom o resultado no Rio, já que em casa o Avaí iria "atropelar" o time carioca.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

O goleiro Fernando Prass , capitão da equipe vascaína, tomou as dores dos companheiros. Para o camisa 1, toda causa tem uma consequência.

"Não conheço o William, não sei a sua história. Mas, se ele disse isso, ele tem que se responsabilizar pelo que falou. Quem diz uma coisa dessas sabe que será cobrado na frente", disse o goleiro vascaíno.

Com um corte no pé, a escalação do atacante, porém, virou suspense. "Não sei se está dando 'migué' para não nos enfrentar", completou o capitão vascaíno, deixando claro que o grupo está "mordido".

O atacante Alecsandro foi econômico nas palavras, mas também se mostrou desconfortável. No começo, tentou minimizar o episódio. "Não li nada, pois estamos envolvidos com muitos jogos decisivos e quase não sobra tempo para ler jornal", disse o jogador, emendando, na sequência: "Mas se ele falou isso, vamos aguardar o resultado do jogo para saber quem vai sair ganhando. Tudo na vida tem uma consequência."

Na quarta passada, ainda no calor do jogo, Diego Souza, autor do gol do empate aos 48 minutos do segundo tempo, soube das declarações do atacante e reagiu com ironia.

"Que eu saiba, eles atropelaram o São Paulo . Mas o Vasco? O jogo acabou empatado. Cada um fala o que quer. Ele acredita na equipe deles e a gente, na nossa. Vamos esperar o segundo jogo pra ver quem vai atropelar quem..."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.