matador - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Wenger quer transformar Walcott em matador

Técnico lembrou de Thierry Henry, que quando chegou ao Arsenal jogava pelas pontas e se tornou artilheiro

Gazeta Esportiva |

O técnico do Arsenal, Arsene Wenger, tem gostado do que tem visto no meia-atacante Theo Walcott. Segundo o treinador, o atleta tem condições de se transformar em um grande fazedor de gols, no estilo "atacante matador".

Para falar sobre o novo papel que pretende dar a Walcott, Wenger lembrou de Thierry Henry, que quando chegou ao Arsenal jogava pelas pontas assim como o jovem inglês, mas logo se tornou em um artilheiro.

"Ele está muito próximo de jogar como um verdadeiro atacante. Ele é mais um atacante natural que um ponta. Ele gosta de balançar as redes. Theo tem 21 anos. Dê mais dois anos para ele e imagine o que ele será", comentou o técnico, lembrando dos seis gols marcados nos últimos sete jogos pelo atleta.

"E não se esqueçam que quando o Thierry chegou aqui, ele também era um ponta. Quando eu coloquei ele de centroavante pela primeira vez, ele me disse que não sabia fazer gols. Theo pode ser um artilheiro produtivo, pois quando ele está um centímetro na frente do defensor, ninguém consegue o pegar", analisou Wenger.

O treinador também vê diferenças em Walcott atualmente em relação ao momento em que ele subiu para os profissionais. "Antes, ele apressava a decisão, mas agora ele está diferente. Parece, para mim, que o Theo tem muita calma na frente do gol. O Thierry é uma réplica do Theo? O Theo é uma réplica do Thierry? Não, mas eles tem em comum um ritmo tremendo, são bons finalizadores e inteligentes", comparou, antes de apontar as diferenças entre os dois.

"Walcott é o jogador mais rápido enquanto o Thierry é o atleta que gosta mais da bola. Passar por tudo que o Theo passou, viver tudo o que ele viveu é incrível. Não importa o que acontece, bons ou maus momentos, ele mostra comprometimento, inteligência, respeito e humildade", exaltou o treinador.

A "estreia" do "novo artilheiro" do Arsenal deve ser nesta quarta-feira, quando os Gunners enfrentam o Shakhtar Donetsk pela Copa dos Campeões, quando Wenger pretende escalar Walcott em uma posição mais centralizada e ofensiva.

Leia tudo sobre: futebol internacionalinglaterrainglês 2010

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG