Zagueiro lembrou que o time catarinense começou bem contra o Botafogo, mas no final perdeu por 2 a 1

Na noite da última quarta-feira, o Avaí sofreu sua sétima derrota no Campeonato Brasileiro ao final da partida contra o Botafogo , no Engenhão. A decepção foi ainda maior pela equipe ter saído na frente no placar, mas não ter conseguido segurar o ímpeto dos botafoguenses, que viraram o jogo.

"Infelizmente perdemos, mas iniciamos bem. Acabamos tomando dois gols de bobeira. Agora é trabalhar para nos recuperamos logo, pois estamos ficando muito abaixo na tabela e a preocupação é grande", declarou o zagueiro Welton Felipe.

A equipe avaiana abriu o placar aos seis minutos de jogo, em um cruzamento da esquerda que Dirceu desviou para as redes. Porém, aos 27 minutos, Maicosuel empatou e, dez minutos depois, o argentino Herrera fez a alegria da torcida do Fogão, virando a partida após boa jogada de Márcio Araújo pela esquerda.

Ocupando a 19ª posição do Campeonato Brasileiro, com apenas sete pontos ganhos em 12 jogos disputados, a equipe só está na frente do lanterna Atlético-PR, dois pontos atrás. A equipe está cinco pontos distante do primeiro time fora da zona de rebaxamento.

Cada vez mais pressionado pelo fraco desempenho, o Avaí tem uma das missões mais difíceis da competição na próxima rodada. O adversário de sábado, na Ressacada, é o líder Corinthians, que só perdeu uma vez no Brasileirão e, na dianteira do campeonato, já acumula nove vitórias.

Para o zagueiro Welton Felipe, a solução do time não pode fugir de um procedimento: "É trabalhar. Não tem segredo. Nada resiste ao trabalho. Estamos numa situação delicada no campeonato e não queremos brigar até o final para não descer. Esperamos que, no dia quatro de dezembro, estejamos com o objetivo cumprido", concluiu o defensor.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.