Atacante relata jogadores do Palmeiras de cabeça erguida mesmo depois de revés contra rival

A eliminação nos pênaltis para o Corinthians pouco abalou o clima no Palmeiras . Pelo menos foi a constatação de Wellington Paulista , atacante que não pôde disputar a semifinal do Paulistão por ter sido contratado após o prazo de inscrições.

Wellington Paulista no treino desta segunda
AE
Wellington Paulista no treino desta segunda
O jogador relatou que entrou no vestiário esperando um clima ruim, com seus companheiros cabisbaixos, mas acabou encontrando um ambiente totalmente diferente. Segundo o camisa 9, os palmeirenses sabem que fizeram o melhor que puderam e estão prontos para desafiar a invencibilidade de 23 jogos do Coritiba , nesta quinta-feira, pela Copa do Brasil.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e recebe as notícias do seu time em tempo real

“Claro que não tem ninguém contente, mas todos sabem que fizeram um grande jogo, até mesmo com um jogador a menos. Eu imaginei que eu ia chegar no vestiário e estar todo mundo para baixo, cabisbaixo, mas não. Claro que ninguém estava brincando, mas estava todo mundo de cabeça erguida, sabendo que fez o melhor. Isso é essencial, isso que eu vi de bom neste grupo. Perdemos de cabeça erguida e o time está bem mais maduro para vencer a Copa do Brasil”, disse o atacante.

Depois de sofrer em casa com a eliminação, Wellington diz que todos seus companheiros já estão com a cabeça voltada para o jogo contra o Coritiba. Segundo eles, a derrota para o Corinthians já é página virada.

E pensando no próximo adversário, o atacante afirma que a sequência de invencibilidade que o time paranaense tem serve apenas para uma coisa: ser batida.

“É impressionante a marca, impressiona muita gente. Tem muito time fora de São Paulo que está muito bem e ganhando. Mas para nós, o importante é estar concentrado para estar no jogo. Eles estão com bastante vitórias em seguidas, mas se perderem, tomam um baque. Precisamos ir lá para vencer e ter tranquilidade no jogo de volta”, completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.