Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Wellington Paulista passa em branco na reestreia pelo Cruzeiro

Apesar da goleada, atacante não fez o gol para marcar o seu retorno e homenagear o aniversário da filha

Gazeta |

A goleada por 5 a 0 sobre o Avaí , neste sábado à noite, foi a 104ª partida de Wellington Paulista com a camisa do Cruzeiro . Mas o atacante tinha motivos para estar sedento por balançar as redes no Parque do Sabiá, em Uberlândia: ele queria homenagear a filha aniversariante e voltar com o pé direito, já que este foi seu primeiro jogo desde a volta à Toca da Raposa após "passar férias" (segundo palavras do próprio atleta) em São Paulo, defendendo o Palmeiras.

Titular ao lado de Anselmo Ramon, o centroavante até teve algumas oportunidades para marcar com a bola rolando, mas sua melhor chance seria com a bola parada. Ainda no primeiro tempo, quando o Cruzeiro vencia por 2 a 0, ele tomou a bola de Welton Felipe, invadiu a área e foi derrubado. Pênalti que Montillo não o deixou cobrar.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

"Estava pronto para bater e tomei um rodo que eu nem imaginava. Queria bater o pênalti para fazer gol logo na reestreia e também porque é aniversário da Isabelle (filha do jogador). Mas o importante é que o Montillo converteu", comentou Wellington, que também não cobrou o segundo pênalti marcado a favor do Cruzeiro, minutos depois. Montillo foi para a bola de novo e, desta vez, perdeu.

Substituído por Ortigoza aos 29 minutos da etapa final, Wellington Paulista foi aplaudido pelos torcedores. Ele agora entra na briga para melhorar seus números (são 47 gols em 104 jogos pelo clube) e para ser titular. Os concorrentes foram bem neste sábado: Anselmo Ramon, Thiago Ribeiro - que volta de lesão - e Ortigoza balançaram as redes do goleiro Felipe.

null

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG