Atacante deixou o Beira-Rio de ambulância depois de lance de azar e existe a possibilidade de cirurgia

Se o resultado no Beira-Rio foi péssimo para o Cruzeiro , o time mineiro ainda tem mais para se lamentar na sequência do Brasileirão. O atacante Wallyson fraturou a perna esquerda em um lance de muito azar na primeira etapa e ainda corre o risco de ter que ser operado e ficar fora do restante da temporada.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Wallyson prendeu o pé no chão ao tentar uma finalização nos últimos minutos do primeiro tempo. O jogador deixou o gramado chorando, com muitas dores, e seguiu direto para o hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre. O jogador passou por exames de imagem e a fratura foi confirmada. Em Belo Horizonte, o jogador será reavaliado, mas existe a possibilidade do atleta não atuar mais em 2011, pois a recuperação pode ser de quatro meses.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

O médico que atendeu Wallyson no hospital de Porto Alegre falou sobre a possibilidade de uma cirurgia. “Ele (Wallyson) passou por exames e foi constatada uma fratura no tornozelo, na fíbula. E alguma lesão ligamentar no tornozelo. Existe uma grande chance de passar por cirurgia. Vai passar por outros exames, mas o Raio-x nos dá essa má notícia da fratura”, disse o doutor Álvaro Ramos em entrevista a Rádio Itatiaia.

O técnico Joel Santana lamentou a contusão do atleta. “A fase é tão estranha que hoje o Wallyson sofreu fratura. Um garoto que vinha se despontando, foi artilheiro da Libertadores, vai ficar parado. Vamos rezar para não parar até o final do ano. Ele não merece isso”, disse o treinador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.