Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Wallyson comemora artilharia da Libertadores pelo Cruzeiro

Jogador “secou” Neymar na final do Santos contra o Peñarol e se assustou com bola na trave no Pacaembu

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

O Cruzeiro tem o artilheiro da Libertadores pelo segundo ano seguido.Depois de Thiago Ribeiro em 2010, nessa temporada foi a vez de Wallyson ser o maior goleador da América do Sul. O jogador balançou as redes sete vezes na competição, mesmo com o Cruzeiro caindo nas oitavas de final contra o Once Caldas.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Wallyson terminou o torneio como artilheiro ao lado de Nanni, do Cerro Porteño. Com o gol na decisão no Pacaembu, Neymar chegou aos seis gols. O atacante do Cruzeiro confessa que se assustou com a bola na trave do santista já no fim da partida. “Quase caí da cama quando ele tocou a bola por cima do goleiro. O Neymar é um grande atacante, sabe fazer gol. Ela (bola) ia entrando, pensei ‘já era’. Graças a Deus ela bateu na trave. A alegria foi minha, fico muito feliz”, disse o atacante do Cruzeiro.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

O atacante ficou muito contente por terminar como artilheiro da Libertadores. “É muito importante para mim, porque todos atacantes querem ser artilheiros da Libertadores. É um campeonato muito complicado e tive essa chance de ser artilheiro da minha primeira Libertadores. No currículo do jogador pesa muito. Fico muito feliz. Tenho de agradecer também ao Cruzeiro e aos meus companheiros que me ajudaram na minha caminhada”, disse o veloz atacante.

Sobre o bicampeonato do Cruzeiro na artilharia da Libertadores (2010 e 2011), Wallyson se sentiu orgulhoso por fazer parte da história do clube no torneio. “Graças a Deus. O Cruzeiro tem essa cria de artilheiros. Estou fazendo parte dela hoje, fico muito feliz. Pena que a gente não passou à frente. O pensamento de todo mundo era ser campeão, o que, infelizmente, não aconteceu”, completou.
 

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011WallysonNeymar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG