Atacante não deve pegar o Sunderland, pelo Inglês, e o Bayer Leverkusen, pela Liga dos Campeões

Após deixar a partida entre Chelsea e Norwich, no dia 27 de agosto, inconsciente por se chocar com o goleiro da equipe adversária, o atacante Didier Drogba é esperado pelo técnico André Villas-Boas para reforçar os blues no dia 18 de setembro, diante do Manchester United.

Sendo assim, o atacante deverá estar fora das partidas: contra o Sunderland, pelo Campeonato Inglês, e contra o Bayer Leverkusen, na estreia das equipes na Liga dos Campeões desta temporada.

"Ele [Drogba] ainda precisa ser autorizado pelo corpo médico para retornar a fazer todos os tipos de treinamento. Ele tem feito sessões leves de treino com nossos fisioterapeutas e vamos forçar o ritmo para que ele tenha condições de enfrentar o Manchester United", explicou Villas-Boas.

"Os primeiros dias [depois da lesão] foram de muitas dores. Ele teve sua família dando suporte e acompanhamento total do corpo médico. Temos que ter certeza de que Drogba está totalmente recuperado antes que ele volte aos treinos", completou o comandante.

Em três jogos neste Campeonato Inglês, o Chelsea tem duas vitórias e um empate. Com sete pontos somados, a equipe londrina está na quarta colocação da Premier League, dois atrás dos times de Manchester, que lideram neste começo de temporada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.