Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Viçosa faz dois, Grêmio quebra jejum em casa e derrota Bahia

Depois de três derrotas no Olímpico, time de Renato Gaúcho tem boa atuação e avança no Brasileirão

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

null

O Grêmio tenta recuperar o lesionado André Lima , negociou Borges e contratou Miralles. Como nenhum destes joga, Junior Viçosa é o titular e, neste domingo, no Olímpico, deu conta do recado. Com dois gols do centroavante, o time de Renato Gaúcho teve boa atuação, envolveu o Bahia , venceu por 2 a 0 e deu o primeiro passo para fazer boa campanha no Brasileirão.

A segunda vitória seguida manteve o time gaúcho entre os dez primeiros da tabela, a meta de Renato até a estreia dos reforços, e quebrou o jejum de bons resultados em casa – não ganhava desde 7 de abril acumulando três derrotas. Pior para o time nordestino que tem apenas um empate e em três partidas e, a julgar pela atuação, terá dificuldades em permanecer na Série A.

Junior Viçosa, agora com nove gols na temporada, destacou-se tanto em campo que até assumiu o papel de proteger o jovem e desfalcado time que entrou em campo. No intervalo, ao comentar as vaias direcionadas a Lins, mandou um recado à torcida: "Tem hora que não dá certo, mas dentro da área tem que arriscar. Precisamos de ajuda".

O jogo
Além de não escalar nenhum dos três jogadores que voltam de lesão – Gabriel, Vilson e Leandro –, Renato ganhou um desfalque de última hora: Lúcio, com dores nas costelas. Então, Mário, Saimon e Lins, foram mantidos na equipe e Escudero entrou como surpresa. Deu certo.

Tanto que, aos cinco minutos, o time abriu o placar. Fernando tabelou com Mário, que foi à linha de fundo e cruzou. Viçosa, de cabeça, venceu Marcelo Lomba: 1 a 0.

À exceção de uma arrancada com boa finalização de Jobson, que exigiu boa defesa de Marcelo, o Grêmio não correu riscos. Muito porque manteve a formação tática implantada por Renato no ano passado apesar dos reforços: o losango do meio-campo. Fábio Rochemback foi volante, Escudero pela esquerda, Fernando à direita e Douglas à frente comandaram as ações gremistas.

Então, aos 32, Viçosa transformou a superioridade em gol. Lins fez boa jogada pela esquerda e cruzou: o centroavante bateu de primeira e fez o 2 a 0.
Apesar de o técnico Rene Simões não ter feito nenhuma troca, o Bahia melhorou na etapa final. Marcou melhor e, até os dez minutos, conseguiu equilibrar a partida. Quem tinha as melhoras chances, porém, era o Grêmio.

Viçosa, aos nove, quase fez o terceiro. O Bahia só ameaçou numa cobrança de falta, na qual Avine, aos 17, acertou o travessão.

O jogo ainda deu mostras do que Renato pretende no futuro. Marquinhos, contratado nesta semana do Avaí, estreou e atuou no meio-campo ao lado de Douglas. Gabriel, outro que entrou no segundo tempo, atuou como ala-direito no sistema 3-5-2, com Mário como zagueiro. Serão questões para a próxima semana.

Na próxima rodada, o Grêmio enfrenta o São Paulo fora de casa. O Bahia recebe o Atlético-MG.

FICHA TÉCNICA – GRÊMIO 2 X 0 BAHIA

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 05/6/2011, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Roberto Braatz e Lilian da Silva Fernandes Bruno (PR)
Cartões amarelos: Fernando (Grêmio) e Souza (Bahia)
Público: 18.693 (15.835 pagantes)
Renda: R$ 277.682
Gols:

Grêmio: Junior Viçosa, aos cinco e aos 32 minutos do primeiro tempo.

GRÊMIO: Marcelo; Mário, Saimon, Rafael Marques e Neuton; Fábio Rochemback, Fernando, Escudero (Gabriel) e Douglas; Lins (Leandro) e Junior Viçosa (Marquinhos). Técnico: Renato Gaúcho.

BAHIA: Marcelo Lomba; Gabriel, Danny Morais, Titi e Ávine (Marcos); Marcone, Fahel, Camacho e Lulinha (Maranhão); Souza (Rafael) e Jobson. Técnico: René Simões.

Leia tudo sobre: grêmiobrasileirão 2011bahia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG