Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vice-presidente do Sport explica saída de Hélio dos Anjos

"Ele não tem problemas com o grupo, mas ficou magoado com a torcida", disse Severino Otávio

Gazeta |

Após uma campanha de nove pontos conquistados em seis jogos na Série B , o técnico Hélio dos Anjos deixou o comando do Sport . O vice-presidente de futebol do clube, Severino Otávio, explicou que a decisão na mudança do comando da equipe não veio da diretoria de futebol.

"O Hélio chegou a nós e afirmou que não tinha mais ambiente para trabalhar. Ele não queria prejudicar o Sport, a diretoria de futebol, e o presidente. Ele pediu demissão, o Sport não dispensou ele. Ele tinha seus motivos, a pressão era muito grande", afirmou o vice-presidente, que diz entender a decisão do treinador.

"Entendemos as razões dele. Ele não tem problemas de relacionamento com o grupo, mas está magoado com a pressão que a torcida fez. Em sua carreira ele jamais foi vaiado antes de começar um jogo. O time vinha invicto, líder, e foi vaiado. Isso o magoou e temos que respeitar", continuou o dirigente.

Agora, a diretoria começa a pensar em quem assumirá a equipe. Otávio, porém, diz não ter nenhum nome definido por enquanto. "É tudo especulação. Não falamos com ninguém. Tem muito empresário ligando, oferecendo nomes. Mas vamos com calma", completou.

Sem Hélio dos Anjos, Mazolla, técnico do time de juniores do Sport, assume interinamente a equipe. O treinador deverá começar seus trabalhos na tarde desta terça-feira e, caso a diretoria não acerte com um novo técnico nesta semana, Mazolla deverá comandar o clube contra o Criciúma, na Ilha do Retiro, nesta sexta-feira, pela sétima rodada da Série B.

Leia tudo sobre: Sport

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG