Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vasco vence ABC de virada e segue vivo na Copa do Brasil

Time sai perdendo e reage no segundo tempo com gols de Alecsandro e Bernardo. Náutico é o próximo rival

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

O Vasco segue vivo na Copa do Brasil. Jogando em São Januário, na noite desta quarta-feira, o time venceu o ABC de virada: 2 a 1, gols de Alecsandro e Bernardo. Cascata descontou. Com o resultado, a equipe pula para a terceira fase. O próximo adversário será o Náutico. As atenções agora se voltam novamente para a Taça Rio. Sábado a equipe comandada por Ricardo Gomes enfrenta a Cabofriense. Com 13 pontos, o Vasco lidera o Grupo A da competição estadual.

O técnico Ricardo Gomes bem que alertou. O adversário merecia respeito, principalmente por ter a vantagem debaixo do braço. A ordem, então, era atacar. O Vasco precisava imprimir seu ritmo de jogo antes que o visitante obrigasse os donos da casa a marcar dois. Com o empate em 0 a 0, em Natal, só a vitória por um gol de diferença daria a vaga à equipe carioca.

Assim, o Vasco foi só pressão nos primeiros 18 minutos do primeiro tempo. Explorando as laterais, as chances nasciam das bolas aéreas ou em chutes de longa distância. Ramon, Anderson Martins, Diego Souza e Fellipe Bastos testaram o goleiro Welligton.

Em bela tabela de Eder Luis e Fellipe Bascos, o meia ajeitou e por pouco não marcou. Demorou a chutar e teve a bola roubada por um adversário. Instantes depois, em jogada individual, Diego Souza arrancou do seu campo de defesa. O meia se livrou se dois marcadores e, na entrada da área, tinha a opção de passar para Eder e Alecsandro. A possibilidade de marcar um golaço o fez soltar a bomba da meia-lua. A bola saiu torta, longe do gol de Welligton.

Ironicamente, Cascata, em jogada parecida, fez o gol que estragaria os planos vascaínos. Aos 18, o meia carregou a bola, driblou Allan, invadiu a área e tocou com categoria na saída de Fernando Prass: 1 a 0.

Das arquibancadas, a torcida incentivou com o tradicional grito: “O Vasco é o time da virada”. A reação, no entanto, seguiu os padrões do começo da partida, com chutes de média e longa distâncias. Anderson e Martins e Fellipe Bastos, que gostam de experimentar de longe, tentaram surpreender o goleiro.

Gazeta Press
Bernardo entrou no segundo tempo e marcou o gol da classificação do Vasco

Mas o único lance que levou perigo foi uma conclusão de Felipe, da entrada da área. Mesmo caído, o meia esticou a perna, buscando o canto esquerdo do Welligton. A bola, caprichosamente, passou perto do gol. No último minuto, Diego Souza teve a chance clara do empate. O camisa 10, porém, acertou a rede, pelo lado de fora. Promessa de fortes emoções para o segundo tempo.

Logo aos 5 minutos, Ramon é derrubado por Tiago Garça na área. Pênalti, que Alecsandro pede para cobrar e, dois minutos depois, marca o gol de empate. A torcida teve dupla comemoração. Além do gol, o árbitro deu cartão vermelho para Garça.

Restava, agora, um gol para o Vasco conseguir a classificação. Com um jogador a mais e marcando no campo do adversário, várias chances foram criadas. Numa delas, Alecsandro recebe belo passe de Felipe, dribla um zagueiro e chuta para a difícil defesa do goleiro. Em outra jogada, Diego Souza invadiu pela esquerdae bateu cruzado, nas mãos do goleiro.

Ricardo avançou o time, trocando Fellipe Bastos por Bernando. O meia entrou com vontade. Corria, voltava para marcar e pedia toda bola na área. Numa delas, aos 33, ele recebe de Eder Luis e chuta sem chances para o goleiro: 2 a 1. Festa dentro e fora do campo. O ex-jogador Edmundo, filho ilustre de São Januário, estava no estádio e vibrou bastante com o gol da classificação. Bernardo comemorou tirando a camisa.

A partir daí, o Vasco passou a administrar o resultado. Recuou um pouco na marcação e anulou as jogadas do ABC, que esboçou uma reação para tentar o empate a classificação. Mas, no fim, permaneceu o resultado. A vaga é vascaína.

FICHA TÉCNICA – VASCO 2 x 1 ABC
Local: São Januário, Rio
Data: 6 de abril de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (Horário de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Auxiliares: Guilherme Dias (MG) e Fabiano da Silva (ES)

CARTÕES AMARELOS: Reinaldo, Ramon, Allan, Tiago Garça, Leandrão

CARTÃO VERMELHO: Tiago Garça

GOLS:
ABC - Cascata, aos 18 minutos do primeiro tempo
VASCO: Alecsandro, aos 7 minutos do segundo tempo, e Bernardo, aos 33

VASCO: Fernando Prass; Allan, Dedé, Anderson Martins e Ramon (Márcio Careca); Rômulo, Fellipe Bastos (Bernardo), Felipe e Diego Souza; Alecsandro (Leandro) e Eder Luis
Técnico: Ricardo Gomes

ABC: Welligton; Pio, Tiago Garça, Irineu e Renatinho Potiguar; Basílio, Bileu, Cascata e Reinaldo (Alessandro Lopes); Éderson (Jackson) e Leandrão
Técnico: Leandro Campos.

Leia tudo sobre: vascoabccopa do brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG