Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vasco treina completo em Curitiba para a decisão

Ramon, Eder Luis e Eduardo Costa se recuperam e asseguram escalação na final da Copa do Brasil

Hilton Mattos, enviado iG a Curitiba |

O Vasco não tem mais dúvidas para o jogo desta quarta, no Couto Pereira, contra o Coritiba , valendo o título da Copa do Brasil.

Embora o técnico Ricardo Gomes faça mistério, o lateral-esquerdo Ramon e o atacante Eder Luis estarão em campo. Ambos treinam normalmente desde sábado e já estão recuperados de lesão muscular na coxa.

O mistério, no entanto, girava em torno do volante Eduardo Costa . O jogador foi poupado no domingo, com dores no joelho, mas participa normalmente no trabalho tático realizado na tarde desta segunda-feira, no CT do Corinthians-PR. 

O time que briga pelo título inédito na quarta é o mesmo que derrotou o Avaí, há duas semanas, na Ressacada. Pela manhã, os dez titulares, além do lateral-esquerdo reserva Márcio Careca, desembarcaram na capital paranaense.

No domingo, o mistão vascaíno foi goleado por 5 a 1 pelos reservas do Coritiba . O resultado não abalou o grupo principal, que não tomou conhecimento da goleada. Além do mais, a ausência de Anderson Aquino, autor de três gols no fim de semana, é vista com alívio. O atacante é visto como o jogador mais perigoso do Coritiba.

O Vasco vai a campo nesta quarta-feira com Fernando Prass; Allan, Dedé, Anderson Martins e Ramon; Eduardo Costa, Rômulo, Felipe e Diego Souza; Alecsandro e Eder Luis.

Ricardo Gomes exigiu bastante dos jogadores de frente e dos zagueiros no treinamento de bola cruzada na área. Eder Luis e Felipe cruzavam para a conclusão de Dedé, Anderson Martins, Alecsandro, Diego e Eduardo Costa. Na outra parte do campo, os laterais trabalharam bolas aéreas para Bernardo, Fellipe Bastos, Jeferson, Enrico e Leandro.

O primeiro jogo da final, disputado em São Januário, terminou com vitória de 1 a 0 do Vasco . Por conta deste resultado, o time carioca joga pelo empate nesta quarta - e pode até mesmo perder por um go de diferença, desde que balance as redes. Se o Coritiba devolver o placar de 1 a 0, a decisão vai para os pênaltis.

Leia tudo sobre: VascoCopa do Brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG