Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vasco testa campanha 100% contra o Flamengo na Taça Guanabara

Time de São Januário é o único que venceu todos os jogos, enquanto Fla aposta em Love e Ronaldinho

Gazeta |

AE
Alecsandro tem sido um dos destaques da campanha do Vasco no Carioca
Depois da folia de carnaval, Vasco e Flamengo abrem as semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), no Engenhão. Os comandados de Cristóvão Borges chegam com a melhor campanha da primeira fase, após terem ficado em primeiro lugar no Grupo B, com 21 pontos, única equipe com 100% de aproveitamento.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Já o Flamengo aposta na evolução do time nas últimas rodadas, desde a chegada de Vágner Love e do técnico Joel Santana. Para triunfar e chegar à decisão do turno, os jogadores das duas equipes reconhecem a necessidade de estarem quase perfeitos em todos os quesitos que envolvem um grande clássico. Declarações comedidas e o respeito deram o tom durante a semana.

Leia mais: Após carnaval moderado, Love e Ronaldinho treinam no Fla

"O jogo contra o Vasco tem sempre cara de decisão, ainda mais quando realmente vale bastante, como é a partida desta quarta-feira. Nossas dificuldades serão muito grandes, pois teremos pela frente um adversário que conquistou todos os pontos que disputou no Campeonato Carioca e é o dono da melhor campanha", enalteceu Léo Moura, que apesar dos elogios ao adversário, comentou a evolução do time nas últimas partidas.

"Mas o Flamengo também teve seus méritos para chegar até aqui e está evoluindo a cada partida. Tenho convicção de que vamos fazer uma grande apresentação diante do Vasco e espero que a classificação para a final seja conquistada", completou o lateral, que já marcou duas vezes nesta temporada.

Veja mais: Juninho treina normalmente no Vasco e é confirmado contra o Flamengo

Apesar de saber do estímulo dos números do Vasco no Campeonato Carioca, o técnico Cristóvão Borges, não aceita o favoritismo nesta quarta-feira e defende que, a partir de agora, começa um novo torneio. "Não tem favorito, agora zera tudo", opinou o comandante, ressaltando a dimensão do clássico.

"Quando se tem um encontro de grande rivalidade, todos em campo entram muito motivados. O equilíbrio impera em uma partida como esta. Precisamos ter a mesma aplicação que temos tido, procurando jogar futebol com técnica e organização. Não temos nenhuma vantagem pela campanha que fizemos na etapa de classificação e, portanto, precisamos estar atentos", indicou o chefe.

Veja também: Semifinal com quatro grandes é raridade na 'nova' Taça Guanabara

Se o treinador do Vasco procura afastar o peso de seus comandados, o sempre polêmico Joel Santana faz questão de colocar o time de São Januário como favorito. Argumenta que o rival está pronto, enquanto o time da Gávea, na visão de seu próprio treinador, ainda é um time em formação.

"O Campeonato Carioca não dá muito tempo para trabalhar a equipe e isso acaba facilitando para quem tem um time pronto. Contra o Vasco, será um jogo difícil, mas temos uma base. E a experiência de alguns jogadores será muito importante. Estou confiante que podemos conquistar um bom resultado, mas reconheço as virtudes de meu adversário", disse Joel.

Leia também: Léo Moura minimiza campanha 100% do Vasco: "Clássico é clássico"

AE
Dupla Ronaldinho e Vágner Love é a esperança de gols do time da Gávea
Em relação aos times, os dois treinadores usam o mistério. No Flamengo, o meia Renato Abreu, recuperado de fratura na mão direita, reaparece na vaga de Luiz Antonio. O desfalque fica por conta do zagueiro David Braz, suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo na vitória por 3 a 1 sobre o Resende. A tendência é que Gustavo seja escolhido como o substituto. O esquema com dois atacantes será mantido, com Vágner Love e Deivid.

Veja mais: Dinamite e Felipe criticam atitude de Bernardo no Vasco

No Vasco, o zagueiro Rodolfo, que cumpriu suspensão na vitória sobre o Boavista por 1 a 0, formará dupla com Dedé. A tendência é que Felipe e Juninho Pernambucano joguem juntos, na criação de jogadas, com Diego Souza compondo o ataque ao lado de Alecsandro. Por lesão no ombro esquerdo, o volante reserva Leandro Chaparro sequer será relacionado para o banco de reservas.

Caso o confronto desta quarta-feira termine empatado, o classificado para a decisão sairá das cobranças de pênaltis. O ganhador decidirá a Taça Guanabara com o vitorioso do encontro entre Botafogo e Fluminense, que irão duelar nesta quinta-feira, às 21h, também no Engenhão.

FICHA TÉCNICA - VASCO X FLAMENGO

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 22 de fevereiro de 2012, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Luís Antônio Silva dos Santos (RJ)
Assistentes: Luiz Muniz de Oliveira e Eduardo Couto (ambos do RJ)

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Rodolfo, Dedé e Thiago Feltri; Nilton, Eduardo Costa, Juninho Pernambucano e Felipe; Diego Souza e Alecsandro
Técnico: Cristóvão Borges

FLAMENGO: Felipe; Leonardo Moura, Gustavo, Welinton e Júnior Cesar; Aírton, Willians, Renato Abreu e Ronaldinho Gaúcho; Vágner Love e Deivid
Técnico: Joel Santana

Vasco está na segunda colocação geral da Torcida Virtual. Flamengo irá reagir?

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG