Clube aguarda assinatura do Benfica para regularizar situação dos jogadores

O Vasco acertou a prorrogação de empréstimo de Eder Luis e Fellipe Bastos por mais um ano. O acordo foi selado nesta segunda-feira depois que o Benfica, dono dos direitos econômicos dos dois jogadores, concordou com a proposta vascaína. O atacante e o meia ficam no clube até maio de 2012.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

As negociações de estendiam desde março. Com espaço no time e campeões da Copa do Brasil, Eder e Bastos não pensavam mais em voltar para o futebol português. O atacante já havia, inclusive, procurado uma casa maior, na Barra da Tijuca, onde mora com a família, para se mudar. Ele confiava na palavra do seu procurador, Márcio Bittencourt, e do diretor-executivo do Vasco, Rodrigo Caetano, que permaneceria em São Januário.

Entre para a Torcida Virtual do Vasco e con

Éder Luis marca na final da Copa do Brasil e lidera coreografia
Fotocom
Éder Luis marca na final da Copa do Brasil e lidera coreografia
vide seus amigos

Para ficar com Eder, o Vasco precisou abrir os cofres. Desembolsou cerca de R$ 600 mil. Já a renovação com Bastos saiu sem ônus. Por ora, o Vasco espera que o Benfica assine a documentação enviada a Portugal nesta segunda por Roberto Dinamite, pois só então dará início à regularização dos atletas. O compromisso de ambos termina dia 30 próximo.

“Aqui tenho moral, espaço, fui campeão. Lá em Portugal não sei se o treinador vai contar comigo. Meu lugar é no Vasco”, diz Eder Luis, que sempre demonstrou interesse em permanecer no futebol brasileiro.

Fellipe Bastos teve seus momentos como titular, mas se tornou uma espécie de reserva de luxo. É sempre utilizado no meio-campo no segundo tempo das partidas ou quando um titular está machucado ou suspenso. Mesmo na reserva, está ambientado em São Januário e não gostaria de voltar para Lisboa.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.