Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vasco dá uma pausa no estadual e joga pela Copa do Brasil

Time recebe o Náutico podendo perder por dois gols de diferença. Felipe completa 300 jogos pelo clube

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

O Vasco faz um pit stop no Campeonato Carioca e entra em campo na noite desta quarta-feira pela Copa do Brasil. O time enfrenta o Náutico, às 21h50, em São Januário, no jogo de volta das oitavas de final. Na primeira partida, vitória tranquila por 3 a 0, o que dá direito à equipe comandada por Ricardo Gomes de perder até por dois gols de diferença que assim mesmo estará classificada.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Trata-se de um título inédito para o time de São Januário. Aliás, um dos poucos ainda não conquistado pelo clube. Mas o jejum de oito anos sem ser campeão estadual fala mais alto, de modo que a semana gira em torno do clássico de domingo contra o Flamengo, no Engenhão, valendo a Taça Rio – o segundo turno carioca. O rival rubro-negro, vencedor do primeiro turno, pode ser campeão antecipado se vencer a partida.

Fotocom
Jogadores mostram o ambiente de descontração hoje no clube
Porém, antes que só se falasse de Vasco x Flamengo, em São Januário o assunto foi “proibido” entre os jogadores. Orientados pelos assessores, recusaram-se a falar do clássico, respondendo apenas perguntas sobre a “importante decisão frente ao Náutico”.

“O relógio está a nosso favor. Vamos para campo e aproveitar os contra-ataques. O Vasco fez um bom resultado no primeiro jogo, agora precisa respeitar o Náutico para não ser pego de surpresa”, analisou Felipe, que completa 300 jogos pelo clube e será homenageado com uma placa e vestirá a camisa 300.

O Vasco terá algumas alterações com relação ao time que vinha jogando. O técnico Ricardo Gomes promoverá cinco mudanças. Na lateral direita, Fágner, recuperado de uma torção no joelho direito, volta depois de um mês afastado. Ele entrará apenas no segundo tempo, pois ainda carece de ritmo de jogo. Allan inicia a partida.

Outro que também retorna de contusão é o volante Eduardo Costa. Vítima de lesão muscular, ele atuará na vaga de Fellipe Bastos. Seu companheiro na proteção à zaga será Jumar. Gomes decidiu poupar o jovem Rômulo, que até então havia disputado todas as partidas da temporada. O apoiador Diego Souza é o último jogador do setor a ficar fora. Na frente, Alecsandro também será poupado. Como Leandro está machucado, Elton formará a dupla de ataque com Eder Luis. 

“Não podemos pensar no Flamengo antes de pensarmos no Náutico. Vai que o Vasco e estraga tudo! Este jogo é importante, sim, mas é um título que pode nos colocar na Libertadores!”, frisou Eder Luis.

Esta possibilidade é cada vez menor à medida que o adversário, focado nas finais do Campeonato Pernambucano, virá com um time reserva. Nem o técnico Roberto Fernandes estará no banco. Ele ficou em Recife. O time será comandado por ninguém menos que Zé do Carmo, volante que no fim dos anos 80 marcou época no Vasco.

 

FICHA TÉCNICA – VASCO x NÁUTICO

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 27 de abril de 2011
Horário: 21h50

Árbitro: Devarly Lira do Rosario (ES)

Auxiliares: Jose R Maciel Linhares (ES) e Vanderson Antonio Zannoti (ES)

VASCO: Fernando Prass; Allan, Dedé, Anderson Martins e Ramon; Jumar, Eduardo Costa, Felipe e Bernardo; Eder Luis e Elton

Técnico: Ricardo Gomes

NÁUTICO: Douglas, Peter, Jorge Felipe, Wescley e Jeff Silva; Rodolfo Potiguar, Elicarlos, Saconni, Philip, Fábio Reis e Silas (Daniel Caiçara)

Técnico: Zé do Carmo

 

Leia tudo sobre: vasconáuticocopa do brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG