Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vasco convoca torcida para último jogo em São Januário

Rômulo pede atenção com lanterna Avaí. Volante diz que times ameaçados de rebaixamento representam ameaça

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

Maurício Val / Fotocom.net
Rômulo pede casa cheia na despedida da Colina
O Vasco faz contra o Avaí, neste sábado, seu último jogo em São Januário pelo Campeonato Brasileiro. Na sequência, o time enfrentará Fluminense e Flamengo – o primeiro clássico no Engenhão; o segundo, em local ainda indefinido.

Se vencer o Avaí, Vasco vai 'dormir' na liderança. Veja a classificação do Brasileiro

Vice-líder da competição, com 62 pontos, a equipe do zagueiro Dedé entrará com força total para manter vivo o sonho do quinto título nacional. A dois pontos do Corinthians, que recebe o Atlético-MG, domingo, no Pacaembu, o discurso é um só: convocar a torcida para lotar o estádio.

“Será a última vez que vamos jogar no nosso estádio, então o torcedor precisa comparecer e nos apoiar. Ele foi parceiro até agora e não pode nos deixar neste momento”, convoca o volante Rômulo, de volta ao time após cumprir suspensão diante do Palmeiras por causa da expulsão contra o Botafogo.

Veja também: Vasco terá time completo e postura ousada contra o Avaí

O técnico Cristóvão Borges vai escalar um meio-campo com Rômulo, Felipe, Juninho Pernambucano e Diego Souza. No ataque, promove a volta de Elton, ao lado de Eder Luis. Com esta formação, o Vasco terá uma postura agressiva contra o lanterna do Brasileiro. Apesar da fragilidade do adversário, Rômulo pede cautela com a equipe catarinense.

“Estes jogos são muito difíceis, porque são equipes que lutam por uma causa muito grande, que é não cair para a segunda divisão. Vai ser um jogo muito complicado. Vamos jogar ligados, as equipes que estão lá embaixo na tabela estão dificultando bastante na reta final por causa do risco de cair”, discursou Rômulo.

Punição
O Vasco foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com perda do mando de campo de uma partida e mais R$ 10 mil em razão dos incidentes relatados na súmula do jogo com o São Paulo, dia 30 de outubro, em São Januário. O árbitro Ricardo Marques Ribeiro relatou que funcionários vestindo uniforme do Vasco o ameaçaram na porta do vestiário. A Quarta Comissão Disciplinar condenou o clube nesta sexta-feira. A punição, no entanto, só valerá em 2012, já quer o Vasco fará apenas uma partida em seu estádio este ano pela competição nacional.

Entre para a Torcida Virtual do Vasco e comente a reta final do Brasileirão

Leia tudo sobre: VascoBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG