Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vasco conquista primeiro ponto na Taça Guanabara

Time empata em 0 a 0 com o Volta Redonda e continua na lanterna. Ricardo Gomes viu a equipe dos camarotes

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

No duelo entre os lanternas do Grupo A da Taça Guanabara, o resultado fez justiça à posição das equipes na tabela. Jogando em São Januário nesta quinta-feira, o Vasco ficou no 0 a 0 com o Volta Redonda, conseguindo, assim, somar seu primeiro ponto no Campeonato Carioca. O jogo teve uma motivação a mais para os donos da casa. Ainda que assistindo à partida de um camarote, o técnico Ricardo Gomes fez as primeiras observações na equipe. Domingo, o Vasco recebe o Americano, também em São Januário

O Vasco, dirigido interinamente por Gaúcho, quis se valer da fragilidade do Volta Redonda, então vice-lanterna. O time adotou uma postura ofensiva e só não foi para o intervalo com boa vantagem no marcador porque faltou pontaria. E como. Foi um festival de gol perdido no primeiro tempo.

AE
O atacante Éder Luis lamenta chance de abrir o placar para o Vasco, diante do Volat Redonda, em São Januário

O jogo

O Volta Redonda até que assustou nos primeiros minutos. Paulo Henrique recebeu passe de Bruno Lança e perdeu gol incrível em cima da linha, aos 11. Foi a senha para o Vasco acordar e imprimir um ritmo mais contundente. A todo instante, a bola rondava a área do goleiro Mauro.

nullNão foi bem um massacre, mas as chances criadas pelos jogadores cruzmaltinos animaram os poucos torcedores presentes em São Januário. A ponto de o time sair aplaudido no fim do primeiro tempo. A parada técnica foi providencial para Gaúcho tentar ajustar a equipe. Aos 30, Eder Luis cruza da direita e Jéferson, na pequena área, completa. Mauro, bem colocado, evita do gol vascaíno.

A partir daí, o Vasco foi só pressão. No minuto seguinte, Eder Luis driblou o goleiro Mauro, teve a chance de abrir a contagem, mas isolou. No mais, o time, com certa facilidade de entrar na área adversária, trocou passes na frente do gol, só que acabou pecando no momento do último passe.

No segundo tempo, o Volta Redonda repetiu a postura da etapa inicial. Voltou a campo assustando e por pouco não estragou a festa de Ricardo Gomes. Mas os donos da casa logo arrumaram a casa. Com toque de bola, pressionaram o adversário em seu campo de defesa, criando oportunidades.

Poucas, na verdade, porque até a parada técnica, o time teve mais a posse de bola, mas pouco incomodou. Gaúcho, que já havia trocado Marcel e Ramon por Patrik e Marcio Careca, fez sua última alteração: Caique no lugar de Misael. Patrik, de cabeça, quase abriu a contagem, aos 24: a bola passou à direita de Mauro. Anderson Martins chegou a balançar a rede, mas o árbitro anulou, assinalando impedimento. E os aplausos do primeiro tempo deram lugar a vaias da torcida no fim da partida.


FICHA TÉCNICA – VASCO 0 x 0 VOLTA REDONDA

Local: São Januário, no Rio de Janeiro
Data: 2 de fevereiro de 2011, quarta-feira
Horário: 19h30h (Horário de Brasília)
Árbitro: Djalma José Beltrami Teixeira (RJ)
Assistentes: Silbert Sisquim e Wendel Gouvea (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Eduardo Costa (Vasco), Thiago Maciel, Fernando Lombardi (Volta Redonda)

VASCO: Fernando Prass; Irrazábal, Dedé, Anderson Martins e Ramon (Marcio Careca); Eduardo Costa, Romulo e Jéferson; Misael (Caique), Eder Luis e Marcel (Patrik). Técnico: Gaúcho

VOLTA REDONDA: Mauro; Thiago Maciel, Lombardi (João Gabriel), Padovani e Fabinho; Bruno Lança, Jonilson, Radamés e Lopes; Leandrinho e Pedro Henrique (Gilmar). Técnico: Dário Lourenço
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG