Equipe chegou a 27 pontos, um abaixo do Barcelona, segundo colocado, e a cinco do líder Real Madrid

O Valencia fez a sua parte para continuar como principal força do futebol espanhol além dos poderosos Real Madrid e Barcelona. Neste sábado, a equipe teve um gol do brasileiro Jonas para vencer o Rayo Vallecano fora de casa por 2 a 1 e se garantir em terceiro lugar no Campeonato Espanhol até o final da 14ª rodada.

Veja a classificação do Campeonato Espanhol

O time do último camisa 9 da Seleção Brasileira em 2011 chegou a 27 pontos, um abaixo do Barcelona, segundo colocado, e a cinco do Real Madrid - os dois grandes clubes do país ainda não entraram em campo nesta rodada. Já o Rayo Vallecano estacionou nos 16 pontos, na décima colocação, e perdeu a chance de se aproximar da faixa que dá vaga na Liga Europa.

Já o Valencia segue firme na zona de classificação para a Liga dos Campeões da próxima temporada graças à eficiência de Jonas que abriu o placar em uma partida complicada disputada em Vallecas, bairro de Madri que abriga o Rayo Vallecano.

Aos 20 minutos, no segundo chute perigoso do time, o ex-atacante de Santos e Grêmio percebeu o goleiro Cobeño adiantado e arrematou com força de fora da área, direto nas redes. Feito que tranquilizou os visitantes, que puderam tentar conter a bola para assegurar os três pontos em uma investida mais clara de gol.

O problema é que a postura acordou o Rayo Vallecano, que só não marcou antes do intervalo porque o goleiro Diego Alves, outro convocado por Mano Menezes para os amistosos contra Gabão e Egito no início do mês, interveio com eficiência para evitar o gol dos anfitriões.

O goleiro brasileiro voltou a ser herói logo no primeiro minuto do segundo tempo, ao defender finalização do centroavante Delibasic. Foi quando seus companheiros, enfim, conseguiram ser mais úteis na frente. Aos 11 minutos da etapa final, uma excelente troca de passes terminou com chute rasteiro e eficiente de Tino Costa.

No desespero, o Rayo Vallecano atacou ainda mais, exerceu pressão, mas continuava errando ao finalizar, principalmente por ter Diego Alves pela frente. Só conseguiu balançar as redes com Tamudio, aos 39 minutos do segundo tempo, insuficiente para evitar a derrota.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.