Equatoriano está na fase final de recuperação de cirurgia no tornozelo. "Ele está indo bem", disse o técnico Alex Ferguson

O meia-atacante equatoriano Valencia deve voltar a defender o Manchester United no final de fevereiro, segundo o técnico Alex Ferguson. O jogador sofreu fratura exposta no tornozelo durante a partida contra o Glasgow Rangers, pela Liga dos Campeões, em setembro do ano passado, e está na fase final de recuperação.

"Valência está indo bem. Começou a correr e está liberado para treinar todos os dias, o que é um grande passo. Acho que é possível que ele volte ao time no final de fevereiro, o que é um grande impulso para nós", disse Ferguson.

Captadas pelas câmeras de televisão, as cenas da lesão de Valencia foram chocantes. O equatoriano dividiu a bola com o zagueiro Kirk Broadfoot e teve o tornozelo direito deslocado. O próprio jogador teve uma crise de pânico ao vê-lo fora de lugar e precisou ser socorrido com um balão de oxigênio pelos médicos. Na saída de campo, foi ovacionado pelo público que foi ao estádio Old Trafford.

O retorno de Valencia dá a Ferguson mais uma opção para o ataque do Manchester. Por enquanto, ele conta com Rooney, Berbatov, "Chicharito" Hernández e Michael Owen para o setor.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.