Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Valdivia prolonga polêmica: "Não tenho medo do Alex Silva"

Meia do Palmeiras e zagueiro do São Paulo trocaram farpas durante o clássico de domingo, pelo Paulista

Gazeta |

Válido pela décima rodada do Paulistão, o clássico entre São Paulo e Palmeiras continua repercutindo mesmo depois dos confrontos do meio de semana na Libertadores da América e na Copa do Brasil. O meia Valdivia, do Palmeiras, e o zagueiro Alex Silva, do São Paulo, continuam com a troca de farpas registrada a partir do apito final no estádio do Morumbi.

Futura Press
Lance da expulsão de Alex Silva no clássico de domingo passado

Toda a polêmica começou quando o chileno, questionado por jogadas violentas, mandou o adversário calar a boca. Pelo Twitter, Alex Silva retrucou e avisou que Valdivia não teria coragem de um encontro na rua, sem a presença de jornalistas. Agora, o representante palmeirense deixou claro que cruzaria normalmente com o defensor.

"Não teria motivos para não encontrá-lo. Se ele tem, aí é problema dele. Eu sou um jogador que fala pouco em campo. Quando a partida acaba, você deve ficar quieto. Caso ocorra um encontro na rua, não vou ter medo do Alex, não sou bandido, ladrão, ele também não é. Não tem problema nenhum", afirmou.

Na visão de Valdivia, Alex Silva deveria concentrar sua energia para justificar a expulsão diante do Palmeiras. Irritado com uma possível simulação de falta, o defensor levou o cartão vermelho por empurrar o atacante Adriano "Michael Jackson". "Eu estou bem com a minha torcida. Ele é que precisa dar explicações", comentou o camisa 10.

Leia tudo sobre: palmeirassão paulovaldiviaalex silva

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG