Tamanho do texto

Meia foi xingado por torcida em derrota do Palmeiras. Técnico minimiza e Tirone o afaga

Valdivia está contundido
Gazeta Press
Valdivia está contundido
Valdivia não teve culpa nenhuma na derrota do Palmeiras para o Internacional , neste domingo. Afinal, não jogou. Mas a sequência de lesões e a baixa assiduidade do meia nos jogos do seu time neste ano fizeram aumentar a pressão da torcida em cima do jogador, xingado mesmo estando longe do Pacaembu. Os pouco mais de 9 mil torcedores que estiveram no estádio não pouparam o chileno de cobranças com gritos e palavras chulas. Ele deve ficar fora de combate pelos próximos 30 dias .

Siga a página do iG Palmeiras no Twitter

"A torcida pediu a saída dele (Valdivia), mas pediu a minha, e pediria a do Juca, do Pedro, do Paulo e estão certos. O Palmeiras não joga bem há muitos jogos, mas o responsável sou eu. Hoje (ontem) o Valdivia não jogou, o Kleber não jogou e a responsabilidade é dos restantes. O que tem de ficar claro é que essa colocação de hoje da torcida para o Valdivia não vale nada. Valdivia, tem que ouvir e nem (ligar). Tentar trabalhar e pronto. Nada de culpa hoje. Culpados somos nós", disse Felipão, após a partida no Pacaembu.

Valdivia fez apenas 40 jogos pelo Palmeiras desde agosto de 2010, quando voltou ao clube. Na última semana, o Palmeiras recebeu proposta pelo meia do Al Saad, do Catar, mas ela foi recusada . O presidente Arnaldo Tirone, também no Pacaembu, defendeu Valdivia das críticas e disse que ainda espera muito dele vestindo a camisa do clube. O presidente também bancou Felipão .

"Não foi um investimento ruim. Ele (Valdivia) ainda vai nos dar alegrias. Se até o final do ano ele jogar três jogos, quatro jogos muito bem, ajudando o Palmeiras a vencer, já estará muito bom", disse Tirone. Em maio, em entrevista ao jornal "Estado de S. Paulo", ele havia que a contratação do chileno havia sido "um mau negócio ".

null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.