Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vaiado no Canindé, goleiro Andrey lamenta: "Querem meu insucesso"

Jogador do Criciúma se reencontrou com seu ex-clube, mas não vai guardar boas lembranças do ocorrido

Gazeta |

O goleiro Andrey, atualmente no Criciúma, parece não ter deixado boa impressão em sua passagem pela Portuguesa em 2010. Nesta terça-feira, no reencontro com o ex-clube no Canindé, o arqueiro foi vaiado pelos torcedores e lamentou o tratamento recebido.

"Infelizmente, eles (torcedores) querem meu insucesso. Mas Deus está me honrando, me abriu a porta de um clube com grande torcida, que ganha títulos", respondeu Andrey, ao ser questionado sobre a atitude dos lusitanos. Segundo ele, não há motivo para tal cobrança.

"Nunca faltei ao respeito. O torcedor faz o show deles e eu faço o meu", acrescentou o arqueiro, que fez boas defesas, mas não conseguiu evitar a derrota dos catarinenses por 1 a 0. Ele não teve culpa no gol que definiu a vitória da Portuguesa, marcado por Ananias, aos seis minutos do segundo tempo.

No segundo tempo, após fazer uma jogada extravagante com os pés, Andrey chegou a ser repreendido pelo técnico Guto Ferreira. No lance, ele aparentemente tentou provocar os torcedores que o xingavam. 

Leia tudo sobre: PortuguesaCriciúmaSérie B 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG