Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Vágner Mancini promete Cruzeiro no ataque para superar o Avaí

Time celeste pode rebaixar o adversário e dar mais um passo para evitar o rebaixamento no Brasileiro

Victor Martins, iG Belo Horizonte |

Vencer o Avaí nesta quarta-feira, às 21h50, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro é um passo importante na caminha do Cruzeiro para permanecer na Série A. Diante de um adversário em crise , com salários atrasados e sem treinador, o time celeste vai atacar para diminuir suas chances de queda.

Veja também: Cruzeiro deixa o Z-4. Veja a classificação atualizada

Caso vença, o Cruzeiro vai rebaixar o Avaí . O retrospecto geral aponta amplo favoritismo para o time mineiro, que em cinco jogos contra a equipe de Santa Catarina pelo Brasileirão nunca foi derrotado. São três vitórias e dois empates. Para manter o tabu e dar mais um passo importante para evitar o rebaixamento, o Cruzeiro vai jogar no ataque.

Leia também: Vágner Mancini faz mistério e não revela escalação do Cruzeiro

“Mais um jogo dificílimo, com a imagem de mais uma final de campeonato. E é dessa forma que nós vamos até Santa Catarina. Nosso time tem que entrar em campo e encarar e fazer com que o nosso destino seja favorável para a gente. O Cruzeiro não pode ficar esperando, nós chegamos em uma fase em que a gente tem que sair para o jogo, se impor também”, disse o técnico Vágner Mancini .

No turno: Cruzeiro goleia o Avaí e encerra série de derrotas no Brasileirão

nullA equipe cruzeirense, no entanto, não está confirmada por Vágner Mancini . Wellington Paulista e Anselmo Ramon disputam uma vaga no ataque, ao lado de Farías . Outra disputa por posição é no meio. Assim como Paulista, Leandro Guerreiro foi titular diante do Internacional e fez boa partida. Assim, deve ser mantido na equipe, com Charles ficando no banco de reservas.

Se o Cruzeiro não tem a escalação definida, o Avaí segue a mesma linha. Cheio de problemas, o auxiliar Neguinho tem a missão de tentar evitar o rebaixamento da equipe catarinense. Diante do desespero do adversário, Vágner Mancini quer que seus jogadores saibam aproveitar da situação.

“O Avaí deve oscilar dentro de campo em termos emocionais dependendo daquilo que for apresentado. O atleta tem de perceber isso e saber se é hora de defender mais, ou atacar em cima para levar o adversário a desespero e desequilíbrio emocional, o que, nessa fase do campeonato, é fundamental”.

FICHA TÉCNICA – AVAÍ X CRUZEIRO
Local:
Ressacada (SC)
Data: 16 de novembro de 2011, quinta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ)

AVAÍ: Felipe, Arlan, Gian, Cláudio Caçapa e Fernandinho; Junior Urso, Bruno, Marcos Paulo, Robinho e Lincoln; Willian.
Técnico: Edson do Santos (Neguinho).

CRUZEIRO: Fábio, Vítor, Leo, Victorino e Diego Renan; Leandro Guerreiro, Marquinhos Paraná, Fabrício e Roger; Wellington Paulista e Farías.
Técnico: Vágner Mancini.
 

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011Avaí

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG