Países querem unir forças para sediar a competição, que comemorará 100 anos do primeiro Mundial

O presidente do Uruguai, José Mujica, deve conversar com a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, sobre a organização conjunta da Copa do Mundo de 2030, informaram fontes oficiais nesta terça-feira.

"Nos próximos dias, o presidente José Mujica terá duas reuniões com a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, para analisar temas bilaterais", divulgou um comunicado publicado pela Presidência uruguaia.

O boletim da Presidência acrescenta que nessas reuniões "Mujica falará da necessidade de unir esforços para conseguir a nomeação de ambas as nações como sedes da Copa do Mundo de 2030", quando completarem 100 anos do Mundial de 1930, realizado no Uruguai.

Para tornar realidade essa meta, os gabinetes de ministros de ambos os países assinaram em março deste ano um acordo que estabelece a criação de um comitê binacional para promover a iniciativa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.