Entidade cedeu à pressão do Real Madrid e resolveu testar dez atletas do clube catalão de surpresa

Nesta quinta-feira, a Uefa (União das Federações Europeias de Futebol) enviou seus médicos para examinar os jogadores do Barcelona , sem aviso prévio. O exame anti-doping surpresa foi feito em dez jogadores da equipe catalã, que criticaram a atitude da entidade europeia, cientes de uma declaração dada pelo jornal "Marca", que disse que o Real Madrid pressionaria a Federação Espanhola para controlar com mais empenho os casos de doping no Campeonato Espanhol .

Para os exames de sangue e urina realizados no centro de treinamento do clube, os médicos escolheram Lionel Messi , Affellay , Victor Valdés , David Villa , Jeffrén , Piqué , Iniesta , Xavi e Mascherano .

Ainda nesta semana, a rádio "Cadena Cope" revelou que o Barcelona e o Valencia teriam sido lembrados pelos jogadores da equipe merengue a respeito de doping, fato que gerou revolta dos jogadores catalães.

Após o exame realizado, o zagueiro Piqué demonstrou sua indignação. "Hoje temos controle de doping da Uefa. Que casualidade!", ironizou o jogador em sua página no Twitter ( @3gerardpique ).

"Só tomamos as vitaminas que recebemos do nosso nutricionista. Todo o resto é falso. Estamos completamente tranquilos, mas aqueles que nos acusam de doping estão brincando com fogo", disse o jogador, desta vez em entrevista coletiva.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.