Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Triguinho é operado em Salvador e fica de molho por até seis meses

Lateral-esquerdo do Coritiba sofreu duas fraturas na perna durante o duelo contra o Bahia, no estádio Pituaçu

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861811557&_c_=MiGComponente_C

O lateral-esquerdo Triguinho foi submetido a uma cirurgia nesta quarta-feira para fixação da tíbia e da fíbula, ossos fraturados pelo jogador do Coritiba após choque com o goleiro Fernando, do Bahia, na partida desta terça-feira. A operação foi realizada em Salvador, cidade em que ocorreu a contusão.

De acordo com o coordenador do departamento médico do Coxa, Lúcio Ernlund, a recuperação de Triguinho pode levar de quatro a seis meses, dependendo da evolução clínica do atleta. "Foi uma delicada e complexa cirurgia com um bom resultado", avaliou.

Triguinho deve permanecer em Salvador por mais três dias, até que esteja recuperado da cirurgia e possa retornar a Curitiba, onde ficará sob tratamento no Centro de Excelência Esportiva do Coxa.

Leia tudo sobre: coritibasérie b

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG