Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Treinador Levir Culpi rejeita proposta para comandar o Fluminense

À frente do Cerezo Ozaka, do Japão, técnico não acha justo abandonar o clube no atual momento do país

AE |

selo

Cotado para substituir o técnico Muricy Ramalho, Levir Culpi rejeitou a proposta para comandar o Fluminense nesta temporada. O treinador alegou que cumprirá seu contrato até o fim, em janeiro de 2012, com o Cerezo Osaka, do Japão. A informação foi divulgada neste sábado por Gilmar Rinaldi, empresário do técnico.

"Levir Culpi recebeu proposta do Fluminense e, depois de comunicar ao clube Cerezo Osaka, ficou definido que ele vai cumprir o contrato", informou Rinaldi, em seu perfil no Twitter.

Photocamera
Fluminense segue em busca de um treinador após a saída de Muricy Ramalho

Segundo o empresário, o treinador decidiu manter seu vínculo com o clube em respeito ao momento difícil vivido pelos japoneses, por conta do terremoto e do tsunami que atingiram o país na semana passada.

"Levir não achou justo neste momento de dificuldade do país sair do Japão. Ele mostrou ao povo japonês que acredita na reconstrução imediata", justificou Rinaldi. "Na verdade esta atitude do Levir tem um significado muito maior do que não aceitar, demonstra gratidão e reconhecimento ao povo japonês", completou.

Desde a saída de Muricy, no domingo passado, muitos treinadores têm sido cotados para comandar o Fluminense. Abel Braga era o favorito, mas tem contrato até junho. Também foram lembrados Caio Júnior, Adilson Batista e Luiz Felipe Scolari, do Palmeiras, que negou ter recebido proposta do clube carioca.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG