Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Treinador do Paraná diz que não joga a toalha

Roberto Cavalo diz que espera decisão da diretoria para saber se ainda permanecerá no comando do time

Léo Fagundes, iG Curitiba |

Após mais uma derrota, desta vez para o Operário de Ponta Grossa, por 2 a 1, a situação do técnico Roberto Cavalo fica cada vez mais difícil no Paraná Clube. Apesar disso, o treinador disse que não vai desistir de tirar o time da complicada situação no Paranaense. O Paraná é o lanterna da competição, com dois pontos e nenhuma vitória. “Se a diretoria achar que devo sair eu saio, eu não jogo a toalha”, disse o treinador.

Futura Press
O técnico Roberto Cavalo está ameaçado de demissão após mais uma derrota do Paraná Clube

O técnico também falou que a situação do clube é complicada desde o ano passado, quando ele assumiu o time durante a disputa da Série B. “Temos que fazer o melhor, mas infelizmente a fase não é boa. O Paraná vem de uma situação difícil desde o Brasileiro do ano passado quando lutávamos para não cair para a Série C. Hoje pagamos caro por reformular o elenco. Melhor começar o ano sofrendo e terminar bem. Vejo que tem sim saída e tem que vir contratação”, cobrou Cavalo.

Nesta quinta-feira, a diretoria paranista se reúne para definir se o treinador permanece ou não no comando técnico do time na temporada 2011.

Leia tudo sobre: ParanáCampeonato Paranaense 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG