Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Torcida quer ver o time do Inter escalado com dois atacantes

Até mesmo um trio ofensivo tem maior aceitação do que um atacante isolado, usado por Falcão e Celso Roth

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Se depender da opinião dos torcedores, o Inter deveria ser escalado com dois atacantes. Falcão, técnico do time, deixou Leandro Damião sozinho no setor ofensivo nos últimos quatro jogos. A mesma estratégia era usada por seu antecessor, Celso Roth.

A torcida mostra inconformidade com a opção. O iG realizou uma enquete para saber a preferência dos seguidores do Inter e o resultado mostrou toda a contrariedade ao 4-2-3-1. Apenas 1% dos votos foram a favor da utilização de um atacante. A maioria, 69%, quer ver uma dupla de ataque. Outros 30% preferem um trio ofensivo.

[]Falcão optou pelo esquema 4-4-2 em seus três primeiros jogos. O Inter acabou vencendo Santa Cruz, Emelec e Juventude. A mudança para o 4-2-3-1 aconteceu em meio ao jogo com o Peñarol, no Uruguai. A partir daí o Inter empatou aquele jogo, venceu o Gre-Nal (nos pênaltis), perdeu a partida de volta para o Peñarol, e foi derrotado pelo Grêmio dentro do estádio Beira-Rio, chegando a quatro jogos sem vitória.

O esquema com três atacantes só foi testado nos treinos. D´Alessandro se junta a Rafael Sobis e Leandro Damião. Mesmo assim, já tem mais aceitação do que o 4-2-3-1, com o qual o Inter foi eliminado da Libertadores 2011, perdeu o Mundial de clubes de 2010 para o Mazembe, e vem acumulando fracassos. Até o time B, quando eliminado do Gauchão, optava por essa ideia de apenas um atacante.
 

Leia tudo sobre: InternacionalFalcãoesquema tatico

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG