Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Torcida pede, mas Ronaldinho evita falar em volta para seleção

Meia fala em respeito ao Grêmio, mas elogia torcida do Flamengo: "Dentro das quatro linhas o bicho pega"

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

null

Ronaldinho foi mais uma vez o nome do Flamengo na vitória sobre o Grêmio por 2 a 0. Deu o passe para Thiago Neves abrir o placar e marcou o 2º gol. A torcida levou faixas para o Engenhão pedindo o retorno do meia para a seleção brasileira, mas ele evitou falar muito sobre o assunto.

“Prefiro fazer minha campanha, jogando bem, fazendo gols, lógico que nunca deixei de lado o sonho de voltar pra seleção, mas cada coisa no seu momento”, disse.

Pela primeira vez ele vivenciou a situação de enfrentar o time onde foi criado. Ronaldinho atuou normalmente contra o Grêmio e comemorou os gols.

“Devo muito ao Grêmio, tudo que o Grêmio me ensinou, mas dentro das quatro linhas o bicho pega. Sentimento de respeito, mas tenho que cumprir minhas funções e dar alegria ao torcedor do Flamengo, que sempre me tratou com muito carinho”, comentou.

O Flamengo assumiu a vice liderança do Brasileirão. Chegou a 27 pontos, um a menos que o Corinthians, mas tem dois jogos a mais. O zagueiro Wellinton e o volante Willians receberam o terceiro cartão amarelo e não enfrentam o Cruzeiro na próxima quarta-feira.


 

Leia tudo sobre: GrêmioFlamengoRonaldinho Gaúcho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG