Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Torcida do Flu chama Muricy de amarelão e ironiza paulistas

Técnico teve sua ética questionada e São Paulo virou "casa de rato" em música contra o ex-comandante

Gazeta |

Enquanto descansa antes de ouvir propostas de outros clubes, Muricy Ramalho deve ter acompanhado pela televisão a série de protestos realizada pela torcida do Fluminense nas arquibancadas do Engenhão durante o jogo contra o América-MEX, pela Libertadores. O técnico foi chamado de amarelão, antiético e ganhou até música, ofensiva contra São Paulo.

Em um pano amarelo, estava escrito em letras pretas a frase "Muricy amarelão", em alusão ao pedido de demissão do técnico em meio á má fase do clube na Libertadores. Outra faixa dizia "Muricy traíra e mentiroso, o Fluminense tem ética e não quer você".

O treinador também teve seu argumento contra a estrutura do Tricolor lembrada com o canto. "Ih, o meu CT já vai sair, o Muricy vai se calar, casa de rato é em São Paulo, eu tenho vista para o mar". A provocação aos paulistas é uma resposta à declaração do comandante, que alegou encontrar ratos no vestiário.

Em meio aos protestos contra o treinador, campeão brasileiro com o Fluminense depois de 26 anos na temporada passada, Abel Braga ganhou apoio. O técnico do Al-Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, que disse já ter acertado seu retorno ao clube das Laranjeiras, teve seu nome gritado pelos torcedores.

Photocamera
Depois de protestos da torcida, jogadores comemoram em campo virada sobre o América-MEX

Leia tudo sobre: fluminensemuricyabel bragacopa libertadores 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG