Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Torcedor tenta esfaquear José Mourinho

Em um aeroporto em La Coruña, o treinador português escapou do ataque, mas seu segurança ficou ferido

iG São Paulo |

José Mourinho, técnico do Real Madrid, por pouco não foi atingido por uma facada, que feriu um de seus seguranças. O episódio aconteceu há uma semana, mas o time espanhol tentou encobrir os fatos, revelados nesta sexta pela imprensa espanhola.

O ataque aconteceu quando o Real estava em Corunha, para enfrentar o Deportivo La Coruña, partida que aconteceu no dia 26 de fevereiro. Ao chegar no aeroporto, José Mourinho parou para dar alguns autógrafos e atender fãs que lotaram o local.

Foi quando o autor do atentado se aproximou com uma arma branca e teve que ser impedido por seguranças do Real Madrid. Um deles, Eduardo, chegou a ser ferido com um golpe abaixo das axilas, mas fingiu que nada aconteceu e rapidamente tirou Mourinho do local. O ferimento, de quatro centímetros, foi leve e o estado de saúde do segurança não preocupa.

Quando soube do acontecimento, apenas nesta sexta-feira, Mourinho teria ficado altamente preocupado com sua segurança e de sua família. O Real Madrid colocou o caso nas mãos das autoridades, que já investigaram as câmeras do aeroporto. O autor do ataque, um homem alto de média idade, já foi identificado como principal suspeito, mas ainda não foi encontrado.

Leia tudo sobre: futebol mundialespanhaJosé Mourinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG