Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Torcedor do Olímpia que levou tiro na cabeça segue em estado grave

Jovem de 16 anos foi submetido a uma cirurgia para descomprimir uma inflação no cérebro e continua na UTI

EFE |

O torcedor de 16 anos que levou um tiro na cabeça nos arredores do estádio Defensores del Chaco continua em estado grave. O jovem foi atingido no último domingo, perto do estádio em que o Olímpia derrotou o Independiente, de Campo Grande.

Segundo informações divulgadas nesta segunda-feira pelo diretor de Emergências Médicas do hospital onde o jovem está internado, Enrique Bellasai, o torcedor foi operado na última madrugada "para descomprimir uma inflamação no cérebro e segue internado na unidade de terapia intensiva".

Bellasai afirmou que o menor recebeu um tiro no lado esquerdo da cabeça após descer de um ônibus, nos arredores do estádio onde o Olímpia venceu e se manteve na liderança do Torneio Apertura paraguaio. O ministro do Interior paraguaio, Rafael Filizzola, condenou o que chamou de "violência irracional" que costuma ser registrada dentro e fora dos campos de futebol, sobretudo entre torcedores do Olímpia e do Cerro Porteño, os clubes de maior rivalidade no país.

Filizzola ainda afirmou que as investigações apontam para duas pessoas que fugiram do lugar em uma moto. "Estamos analisando, inclusive, a criação dentro da Polícia Nacional de unidades especializadas em segurança esportiva", declarou o ministro.

Leia tudo sobre: FUTEBOL mundialPARAGUAI

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG