Comprador do bilhete também foi encaminhado ao Jecrim para registro da ocorrência

Um torcedor do Fluminense foi preso em flagrante pela polícia militar, por volta de 15h30, vendendo um ingresso para a partida com o Guarani, neste domingo, no estádio Engenhão. Segundo Luciano Ferreira, o ingresso havia sobrado porque o irmão  que iria acompanhar a partida com ele não pode comparecer ao jogo.

"Eu vim de Xerem, sou torcedor do Fluminense, estou com a camisa e fui preso como cambista. Enquanto os policiais que vendiam ingresso lá em Niterói não foram presos. É lamentável", reclamou o acusado.

Segundo o Sargento Silvestre, do 3° Batalhão da Polícia Militar, o que configurou o delito foi o preço que Ferreira estava cobrando pelo ingresso. "Ele estava com uma entrada no valor de R$ 80 e queria vender por R$ 150, o que deixa claro o crime", explicou.

Além do vendedor, o homem que estava comprando o ingresso também foi preso e encaminhado para o Jecrim do estádio Engenhão.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.