Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Tite vê força desproporcional sobre Ronaldo em pênalti

Técnico entendeu que o zagueiro Gil entrou duro demais por trás do Fenômeno em lance que decidiu o jogo

Agência Estado |

Clássicos muito equilibrados normalmente se decidem nos detalhes. É um clichê que o técnico Tite evocou para explicar a vitória do Corinthians, neste sábado, com um pênalti duvidoso sobre Ronaldo.

Já os jogadores preferiram interpretar de outra forma: a sorte voltou. Sorte de campeão. Agora resta torcer muito contra o Fluminense, que enfrenta o Goiás, no Engenhão, neste domingo.

"Viu um primeiro tempo com predomínio do Cruzeiro. Nós fomos melhores na segunda etapa. Para mim o lance do Gil com o Ronaldo é claro de pênalti. Força desproporcional de quem vem de trás. Tive essa impressão", explicou o treinador. "Em jogos iguais desta grandeza, o detalhe faz a diferença. Felizmente foi pra nós."

Tite não deu razão à reclamação cruzeirense. "Respeito as reclamações, mas discordo. É claro que para mim é mais fácil porque venci. Só que já perdi muito para chegar aqui também", afirmou o técnico.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthianstreinadores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG