No coletivo desta quinta, técnico teve retorno de poupados e testou alternativas para clássico

No primeiro treino da semana com todos os jogadores do Corinthians à disposição, o técnico Tite testou algumas opções no time titular que enfrenta o Palmeiras , domingo, em Presidente Prudente. Como já havia alertado após a derrota para o Figueirense, o treinador aproveita a semana para testar alternativas . Porém, somente nesta quinta, ele contou com todos jogadores, exceto Welder, ainda poupado com dores no tornozelo direito.

Alessandro conversa com médico Júlio Stancati depois de deixar treino
Bruno Winckler
Alessandro conversa com médico Júlio Stancati depois de deixar treino

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

Na primeira parte do treino, a linha de defesa teve Alessandro, Chicão, Paulo André e Leandro Castán. O último, atuou pela esquerda, improvisado. Ramón, de volta aos treinos após três dias de molho, ficou no time reserva. Do meio para frente, a equipe foi a mesma que entrou contra o Figueirense: Ralf, Paulinho e Danilo; Jorge Henrique, Alex e Liedson. No desenho tático, Castán chegou a esboçar o papel de zagueiro, mudando o esquema.

Entre para a torcida virtual do Corinthians e convide seus amigos para entrarem também

Na segunda parte do treinamento, Tite teve de fazer uma mudança por conta de um desconforto muscular de Alessandro. O lateral-direito reclamou de dores na coxa esquerda. De acordo com o médico Júlio Stancati, o jogador teve um desconforto leve no músculo posterior da coxa esquerda, mas aparentemente não se trata de lesão. Ele foi poupado do restante do treino e será reavaliado na sexta-feira.

Sem Alessandro, Tite mudou o time para a segunda parte do treino e colocou o lateral-esquerdo Ramon na sua posição. Edenilson atuou na lateral-direita. Outra alteração foi a entrada de Emerson no lugar de Jorge Henrique. O time teve Julio Cesar; Edenilson; Chicão, Leandro Castán e Ramon; Ralf e Paulinho; Danilo e Alex; Emerson e Liedson.

Alessandro conversa com médico Júlio Stancati depois de deixar treino
Bruno Winckler
Alessandro conversa com médico Júlio Stancati depois de deixar treino

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.