Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Tite lembra de Brasileiro de 2005 para fazer alerta ao Corinthians

Ao contrário de 2005, desta vez o Corinthians chegou à última rodada do Brasileirão dependendo de outro resultado para ficar com o título

Gazeta Esportiva |

Remanescente do elenco campeão brasileiro em 2005, o goleiro Julio Cesar havia lembrado da conquista para se animar na disputa pelo título de 2010. Assim como naquela ocasião, o Corinthians fará seu último jogo neste ano contra o Goiás, no Serra Dourada. Mas, para o técnico Tite, a competição de cinco anos atrás também serve de alerta.

Ao contrário de 2005, desta vez o Corinthians chegou à última rodada do Brasileirão dependendo de outro resultado para ficar com o título. Além de superar o Goiás, a equipe comandada por Tite precisará contar com um tropeço do líder Fluminense diante do Guarani. Situação parecida com a que viveu o Internacional antes do tetracampeonato corintiano.

"Quando cheguei ao Internacional, senti uma chateação muito grande por parte dos profissionais. Eles jogaram com o Coritiba achando que o Goiás não fosse vencer o Corinthians. Mas o Goiás ganhou, e o Inter perdeu. Isso serve de exemplo para nós agora", afirmou Tite, que direciona o foco de seus jogadores exclusivamente ao Goiás. "É claro que, no fundo, não vamos ficar à margem do jogo do Fluminense. A torcida acaba nos informando."

Em 2005, o Corinthians caiu diante do Goiás por 3 a 2 e terminou o Campeonato Brasileiro com 81 pontos ganhos. O então concorrente Internacional, dirigido por Muricy Ramalho, foi derrotado por 1 a 0 pelo Coritiba e permaneceu com 78, na vice-liderança.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthiansfutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG