Corinthians falhou, cedeu empate e agora precisa readquirir confiança contra o São Paulo

O técnico Tite pediu mais atenção aos seus jogadores depois do empate por 1 a 1  do Corinthians contra o Mogi Mirim nesta quarta-feira. Com o mesmo discurso das últimas semanas, o treinador disse que o time precisa encarar todos os jogos da mesma forma e mesmo sabendo da importância da Libertadores é preciso que o time tenha bom desempenho e bons resultados no Campeonato Paulista .

Veja fotos da rodada do Campeonato Paulista com os jogos do Corinthians e do Palmeiras

"Temos muita consciência daquilo que é certo e do que é errado. Estamos numa segunda fase de trabalho em que todos nós somos importantes, toda equipe, seu técnico também, e tem que acelerar e saber que tem quatro jogos em 11 dias, agora três e eles se fundem um no outro e é preciso estar a mil em todos, não dá pra escolher o jogo", disse Tite, ainda em Mogi, após o empate.

Leia também: Julio Cesar assume erro, mas cobra colegas por não "matarem" jogo

O Corinthians joga domingo contra o São Paulo pressionado pelos maus resultados contra Bragantino e Mogi Mirim. A estreia na Libertadores, dia 15, quarta-feira, contra o Deportivo Táchira na Venezuela também entrou definitivamente na pauta diária do clube.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"É real. Não dá para esconder, mas tem que saber administrar. Agora estamos há sete dias (da estreia), estamos na iminência e ninguém esconde o que é real. Mas tem que jogar bem, ter desempenho bom seguido de bom resultado. Bom resultado contra o São Paulo gera confiança para a Libertadores e depois gera confiança para o São Caetano (dia 18)", disse Tite, ciente do aumento da pressão sobre todo elenco.

"A pressão aumenta, claro. Quando o resultado não vem é assi. Hoje, principalmente, jogamos abaixo do que normalmente produz e por isso se cria uma expectativa maior para os próximos jogos", disse o treinador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.