Técnico preferiu falar do jogo contra o Ceará e não comentou se o rival vai entregar para os cariocas

O técnico Tite ficou bastante irritado com os rivais do Corinthians em 2010. Depois que São Paulo e Palmeiras perderam para o Fluminense (em meio à pressão de seus torcedores, ávidos por prejudicar os corintianos na disputa pelo título brasileiro), ele se distanciou do colega Luiz Felipe Scolari. Em 2011, mostrou ter aprendido com o passado e preferiu não demonstrar confiança nos palmeirenses.

Corinthians é o líder do Campeonato Brasileiro. Veja a tabela

Assim como na última temporada, o Corinthians está novamente na disputa pelo troféu do Campeonato Brasileiro . O maior concorrente é o Vasco , com o qual divide a ponta da tabela com 61 pontos, próximo adversário do Palmeiras. Tite desconversou quando solicitado ao comentar esse confronto: "Temos um jogo fundamental com o Ceará, e esse grupo quer merecer a conquista por sua força, empenho e até pelos erros, fazendo grandes partidas".

Como o Palmeiras ainda tem possibilidades remotas de rebaixamento, seus jogadores prometeram encarar o encontro com o Vasco com muita seriedade. Diante do Fluminense, no ano passado, o goleiro Deola chegou a ser insultado por torcedores porque fazia uma boa exibição - insuficiente para evitar a derrota, que atrapalhou o Corinthians.

Para minimizar as polêmicas de 2010, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) decidiu agendar clássicos regionais para a última rodada do campeonato em 2011. O Corinthians encerrará o ano em confronto com o Palmeiras, em casa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.