Técnico do Corinthians reclama de dois supostos pênaltis não marcados na vitória sobre o Coritiba

Tite geralmente não gosta de falar sobre arbitragem. Neste domingo, no entanto, o técnico do Corinthians julgou que sua equipe foi prejudicada na vitória por 2 a 1 sobre o Coritiba e protestou no vestiário da Arena Fonte Luminosa, em Araraquara. Chegou até a pedir que os assistentes adicionais, utilizados no último Campeonato Paulista , entrassem em ação também no Brasileirão .

Siga o iG Corinthians no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

"Peço que a CBF dê rádios aos árbitros. É um aspecto tecnológico para dar justiça ao placar. Vejam a experiência da Federação Paulista, com árbitros na linha de fundo", comentou Tite, que queria a marcação de dois pênaltis no volante Paulinho   - o atleta foi ao chão em divididas com Everton Ribeiro e Marcos Paulo , no primeiro tempo.

"Não precisávamos ter passado por esse sufoco. Foram pênaltis claros. Se a gente abrisse 2 a 0 no placar, o jogo mudaria totalmente.O que eu quero é que se faça justiça. Nada mais do que isso", discursou o treinador.

Autor do primeiro gol da partida, Paulinho reforçou as críticas de Tite. "Achei que foi pênalti no final do primeiro tempo. O atleta tocou em mim, e eu me desequilibrei. Não dava para continuar a jogada. Mas o árbitro não marcou, e eu respeitei a decisão", disse.

nullMas os jogadores do Coritiba também reclamaram de um lance com Paulinho. Os visitantes queriam que o árbitro anulasse o gol do volante, pois acreditam que ele tenha dominado a bola com o braço. "Na hora em que o Willian tocou a bola para mim, matei no peito. Não houve toque de mão em nenhum momento. Acertei um belo chute e fiz o gol", defendeu-se o atleta corintiano.

Para Tite, os assistentes adicionais ajudariam a dirimir as dúvidas também da jogada que gerou protestos do Coritiba. "Não quero nada a meu favor. Só acho que, se tem comunicação entre mais árbitros, tudo fica mais fácil", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.