Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Tite confirma volta de Danilo antes de Botafogo x Corinthians

Meia será titular depois de cumprir suspensão. Alex volta para o banco de reservas

AE |

selo

O técnico Tite confirmou nesta terça-feira que Emerson e Alex, os dois principais reforços do Corinthians para o segundo semestre, ficarão no banco de reservas na partida desta quarta-feira, contra o Botafogo , em São Januário. Danilo , que cumpriu suspensão contra o Internacional , volta à equipe no meio-campo. Willian, novo xodó da torcida corintiana, será mantido no ataque ao lado de Jorge Henrique e Liedson.

Gazeta
Danilo retoma a vaga de titular nesta quarta

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

O treinador vê como um bom problema o fato de ter que escolher jogadores consagrados para deixar no banco de reservas. "Eu busco todos os dias com o departamento médico para ter todos com saúde, bem, dentro de campo. A partir daí, as coisas ficam mais fáceis de se clarear", comentou, já prevendo a estreia de Adriano, que acirraria mais a disputa no ataque.

Entre para a torcida virtual do seu time e o ajude a assumir o topo do ranking

Questionado repetidas vezes sobre o atacante Tevez, possível reforço, Tite preferiu deixar o assunto com a diretoria, mas elogiou o argentino. "É um extraordinário jogador, que qualquer técnico gostaria de contar. O fato é que não se joga com possibilidades, não se treina, não se vence jogo. Quero ficar atento ao trabalho." 

Tite sabe da dificuldade que será enfrentar o Botafogo no Rio e da pressão pelo time manter a invencibilidade no Brasileirão, mas deixa claro que isso uma hora acontecerá. "Todos os jogos têm esse risco (fim da invencibilidade). Ganhar, empatar ou perder depende do nosso desempenho e do adversário. Agora, jogar bem, ser competitivo, acertar passe e chute a gol, bom drible, bom chute, isso depende da gente e é isso que eu quero."

Para o treinador, o importante é se manter entre os primeiros. "Tem de ficar no bloco de cima para brigar. Ninguém vai ser campeão agora. Nos últimos dez jogos é que vai se decidir", lembrou o treinador, que apontou a finalização como ponto a ser melhorado no time. "Contra o Inter, o índice de precisão foi de 40%. Tem de ser de 60%", completou.

Leia tudo sobre: corinthiansbotafogobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG