Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Tirone vê Palmeiras no caminho de eleições diretas, mas quer debate

Presidente chegou a admitir que essa mudança deve acontecer no clube, mas apenas futuramente

Gazeta |

O presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, acredita que a mudança nas eleições do clube será inevitável. Porém, um dia depois de reunião do Conselho Deliberativo, o mandatário acredita que ainda levará um tempo para a aprovação do voto direto dos associados.

"O Palmeiras tem um modelo de 96 anos que deu certo. Agora, tem essa proposta, eu não tenho obstáculos pela mudança, mas precisamos debater mais. Essa mudança vai acontecer", afirmou.

Palmeiras está em 13º lugar no Brasileirão. Veja a tabela

Na semana passada, Tirone alegou que as eleições diretas são um avanço, mas considera prematura a implantação da nova lei no Palmeiras. Na noite de segunda, os conselheiros do clube se reuniram e debateram o assunto.

Com pressão da torcida do lado de fora da Academia de Futebol, o clube decidiu que as diretas vão ser discutidas separadamente, em uma reunião extraordinária. A decisão agradou os manifestantes e também um grupo político do clube.

Leia também: Evair pede profissionalismo no Palmeiras

Segundo um conselheiro presente no encontro, Tirone se manteve quieto durante o debate da noite de segunda. O presidente, então, aguarda o novo capítulo da possível mudança no estatuto do Verdão.

"Agora ficamos de marcar nova reunião para ser mais debatido e para ver o que é melhor ao Palmeiras. Existe até a solicitação do torcedor votar através do sócio-torcedor. É um caminho que vai acontecer, não sei em breve", comentou.

Atualmente, o presidente do Palmeiras é eleito apenas pelos conselheiros. Se o novo projeto for aprovado, os associados do clube passarão a escolher o dono do cargo máximo palmeirense.

Veja fotos do protesto palmeirense pelas diretas, no CT do clube:

Leia tudo sobre: palmeirasbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG