Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Tirone segura Valdivia: "Tem proposta, mas não vou vender"

Dirigente afirmou que não pensa em se desfazer do meio-campista durante o Campeonato Brasileiro

Gazeta Esportiva |

AE
Diretoria do clube paulista não pensa em vender o chileno ao futebol árabe
O presidente do Palmeiras , Arnaldo Tirone, descartou a possibilidade de negociar o chileno Valdivia com o futebol árabe. Apesar de confirmar a proposta do Al Sadd (do Catar), o mandatário alviverde não pensa na hipótese de se desfazer do camisa 10.

"Teve proposta, mas eu não vou vender agora. Não dá para liberar um jogador durante o Campeonato Brasileiro", sentenciou o presidente, no intervalo da partida deste domingo, entre Palmeiras e Cruzeiro, no Pacaembu.

O mandatário está tão convicto em não negociar o chileno que sequer informou a proposta ao técnico Luiz Felipe Scolari, que considera o meia uma peça importante do elenco.

"Não sei nada da proposta, não foi me dito nada. Se tem alguma coisa, foi passada para a direção, que tem de resolver e pensar sobre o assunto. Ele faz falta, é um dos melhores armadores do país", esquivou-se o treinador.

Se aceitasse a oferta, o clube do Palestra Itália poderia pagar a dívida de cerca de R$ 14 milhões com o banco Banif, que foi contraída justamente para contratar o chileno no ano passado. Porém, a cúpula alviverde não está disposta a abrir mão do atleta.

Valdivia desfalcou o Palmeiras neste domingo porque está servindo à seleção chilena, que disputa amistosos na Europa. O camisa 10 alviverde volta à capital paulista nesta semana.

Leia tudo sobre: palmeirasvaldiviaarnaldo tirone

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG