Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Tinga está pronto para voltar a atuar pelo Internacional

Meio-campista tem passado por dificuldades físicas em seu retorno ao Rio Grande do Sul. Ele é uma das esperanças do time gaúcho no Mundial de Clubes

Gazeta Esportiva |

O meio-campista Tinga é tratado com muito cuidado no Beira-Rio. Uma das principais contratações do Internacional neste ano, o jogador passou por duas lesões desde o fim de setembro, ambas com períodos longos de recuperação, para não correr o risco de que um agravamento dos problemas lhe deixe descontado no Mundial de Clubes, que começa na metade de dezembro. Agora, recuperado de contusão muscular que lhe deixa fora do time há exatos 30 dias, ele está pronto para voltar a jogar.

Em entrevista à "Rádio Gaúcha", o médico do Internacional não aconselha, porém, que Tinga atue em todos os 90 minutos da partida de domingo, contra o Botafogo. "Ele deveria entrar por 30 ou 45 minutos para se readaptar. Mas, se houver necessidade, ele pode trabalhar o jogo inteiro. Vai depender do rendimento técnico e tático dele, e da vontade da comissão técnica", indica Élio Carravetta.

O médico explicou como foi o processo de recuperação do jogador, que completará, no domingo, cinco semanas de ausência dos gramados: "Primeiro ele passou por um trabalho de fisioterapia. Quando estava clinicamente recuperado, realizou uma adaptação física", explicou Carravetta, para a seguir elogiá-lo: "Ele dá uma resposta positiva, pois tem boa capacidade de adaptação e readaptação. O Tinga demonstra sempre uma motivação muito grande. Ele tem consciência corporal e é autodidata, pois sabe os seus limites, os cuidados necessários, como se preservar. Para nós isso é muito importante".

De volta ao Inter em julho, após quatro temporadas atuando na Alemanha, Tinga tem passado por dificuldades físicas em seu retorno ao Rio Grande do Sul. Esta foi sua terceira lesão muscular. Em condições físicas ideais, o meio-campista deve ser titular da equipe que jogará o Mundial de Clubes a partir do próximo dia 14. O técnico Celso Roth deve utilizar as três rodadas finais do Campeonato Brasileiro para lhe dar ritmo de jogo paulatinamente.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG