Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Terror dos líderes, América-MG prepara nova surpresa para o Flu

Apesar da lanterna, time mineiro venceu os três primeiros colocados do Brasileirão e já bateu cariocas

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

nullNo seu retorno à Série A do Brasileirão depois de dez anos o América-MG ficou devendo. Com uma campanha irregular, o time mineiro ocupa a lanterna e está praticamente rebaixado faltando cinco rodadas para o fim do torneio. Todavia, um aspecto chama a atenção na campanha da equipe: já venceu os três primeiros colocados do Brasileirão. O Fluminense toma todos os cuidados para não ser surpreendido novamente no sábado, já que foi superado no primeiro turno.

América-MG é o lanterna e Fluminense o 3º colocado. Veja a classificação do Brasileirão

O América-MG tem apenas 28 pontos e chances remotas de permanecer na elite do futebol nacional. Mas, no último final de semana, atrapalhou os planos do Corinthians e venceu o líder por 2 a 1, em Uberlândia. Além do clube paulista, o Vasco, vice-líder, também já foi superado pelo lanterna e o próprio Fluminense, adversário do próximo sábado.

Veja também: Abel Braga prega respeito antes de encarar o lanterna América-MG

“Eu estava até falando com meus companheiros que, se o Campeonato fosse somente contra os líderes, não estaríamos nessa situação. Já vencemos os três primeiros colocados, mas perdemos pontos bobos em partidas que levamos viradas inesperadas”, disse o meia Rodriguinho.

No primeiro turno, o Fluminense foi superado por 3 a 0 pelo América-MG na Arena do Jacaré. O técnico Abel Braga descartou qualquer revanche por conta dessa partida. "Não tem essa revanche. Ficamos com aquele jogo atravessado na garganta por nossa própria atuação. O momento é diferente, é claro. Foi uma partida complicada e tenho certeza que será novamente", disse Abelão.

O treinador prevê nova batalha contra o lanterna. "Vai ser uma grande batalha. Acompanho muito a campanha do América-MG, treinado por um grande amigo meu, o Givanildo Oliveira. A responsabilidade de sair com a vitória é toda nossa. Meu humor muda quando temos um jogo desse tipo. Eu passo tranquilidade contra time grande porque a responsabilidade é dividida. Mas jogo assim é bem mais difícil", avaliou o treinador do Fluminense.

Mala branca?
O experiente atacante Fábio Júnior negou a possibilidade de qualquer incentivo financeiro das equipes que lutam pelo título contra o Fluminense. “Somos jogadores do América e recebemos para defender o América. Somos profissionais e temos que honrar a camisa que vestimos. Além disso, na situação em que estamos, só nos resta vencer qualquer que seja o adversário. Mostramos contra o Corinthians que temos condições”, disse o atacante Fábio Júnior.

Entre para a torcida virtual do Fluminense e comente a derrota no primeiro turno

Leia tudo sobre: América-MGFluminenseBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG